Logo Blog
aplikasitogel.xyz hasiltogel.xyz paitogel.xyz

Zé Reinaldo responsabiliza Roberto Rocha pelo fiasco do PSDB na eleição

O ex-governador culpa Roberto Rocha pelo fiasco do PSDB na eleição

Vítima da insensatez de Roberto Rocha, o popular “Asa de Avião”, que foi rebaixado para “Asa de Muriçoca” pelo blog Marrapá, o deputado federal José Reinaldo Tavares quebrou o silêncio em torno de sua votação pífia para o Senado e responsabilizou diretamente o senador pelo fiasco de sua candidatura e da performance medíocre do PSDB na eleição.

Em artigo publicado nesta terça-feira (16) no Jornal Pequeno, o ex-governador culpou diretamente Roberto Rocha pela derrota acachapante da legenda tucana ao insistir com uma candidatura ao Governo do Estado sem a menor perspectiva de vitória e impedir que o partido apoiasse a candidatura do deputado estadual Eduardo Braide, que acabou se elegendo deputado federal.

“Eu e amigos discutimos a possibilidade de uma chapa com Eduardo Braide, com base em pesquisas qualitativas. Quase deu certo, despertou enorme curiosidade e simpatia, levando receio do ‘novo’ a outras candidaturas ditas mais fortes. Isso pesou tanto que fez com que Braide não conseguisse um grande partido, com tempo de televisão, levando-o a não querer se arriscar e acabou que ele, no final, preferiu concorrer a deputado federal. Essa foi a decisão dele”, explicou.

“Depois conversei longamente com Roberto Rocha, sugerindo a ele abraçar a candidatura de Braide no PSDB para depois construir a dele a governador, já que pelo meu modo de entender o momento não era o ideal para sua candidatura ao governo do Estado. Ele não aceitou minhas ponderações e manteve a candidatura. Ali se acabou a chance de termos no Maranhão uma eleição equilibrada ao Governo e ao Senado. Flávio tem sorte, além de ter tido competência para manobrar bem a estrutura disponível e não teve problemas para ganhar e eleger seus candidatos a senador”, disse Zé Reinaldo.

Segundo Zé Reinaldo, sua chapa para o Senado era competitiva, mas que foi esfacelada na véspera da convenção pelo senador Roberto Rocha. “Politicamente ( a chapa) era  forte, o que me dava uma chance mínima de ganhar. Mas eis que na véspera da convenção, Roberto Rocha, com apoio do partido no estado, resolveu se intrometer em minha chapa, exigindo a retirada do meu primeiro suplente de Caxias, o jovem, muito capaz, Catulé Junior. Como consequência inevitável, perdi Caxias, um dos maiores colégios eleitorais do estado que, com razão, abandonou minha candidatura causando imenso prejuízo político e eleitoral, influenciando negativamente líderes de outros municípios, tirando parte da consistência eleitoral da minha candidatura”.

O ex-governador atribuiu também o péssimo desempenho de sua candidatura a fragilidade dos candidatos do partido ao governo e a presidente da República, que deveriam ser o puxado de votos, mas tiveram desempenho muito abaixo do esperado. Na avaliação de Zé Reinaldo eles “seriam puxadores de voto, caso tivessem expectativa de vitória, mas não vingaram, o que jogou por terra as minhas chances, já que no estado o PSDB ficou isolado, com uma chapa muito fraca, elegendo apenas um deputado estadual do partido. Madeira, grande líder do nosso partido, sofreu na carne o isolamento a que foi submetido”.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Buscar

Mais Lidas

Vacinação: Deputado Yglésio coloca sob suspeita laudos sobre comorbidade e cobra do MPE celeridade na apuração das denúncias
Roberto Rocha continua dependendo de Bolsonaro para definir futuro
Primeira reunião no grupo Dino para tratar de sucessão gera expectativa
Com o Comida na Mesa, Governo já entregou mais de 50 mil cestas básicas a cidades maranhenses
aplikasitogel.xyz hasiltogel.xyz paitogel.xyz