Logo Blog
aplikasitogel.xyz hasiltogel.xyz paitogel.xyz
Notícias
  • Jorge Vieira
  • 8/dez/2021

PCdoB é mais um partido da base governista a declarar apoio a Brandão  

O PCdoB é segundo partido da base governista (Cidadania foi o primeiro) a declarar apoio à pré-candidatura do vice-governador Carlos Brandão ao governo do estado nas eleições de 2022. Os dirigentes comunistas tomaram a decisão da segunda-feira (6) e o presidente estadual, deputado federal licenciado e secretário de Cidades e Desenvolvimento Urbano, Márcio Jerry, fez o comunicado na noite desta terça-feira (7).

“Desde logo, forma democrática e transparente, colocamos que nossa posição do PCdoB, adotada pela unidade de seus membros da direção estadual é de apoiar a pré-candidatura e construir a candidatura do vice-governador Carlos Brandão, dentro de todo um contexto neste debate que faremos com os partidos e com a sociedade explicitaremos com a convicção e a certeza de estarmos adotando a postura mais correta para este momento conjuntural que estamos vivendo no Maranhão”, disse Jerry.

O partido segue a posição do governador Flávio Dino e deve contribuir para que outras legendas do campo governista tomem a mesma decisão para que a próxima reunião de dirigentes de partidos, já convocada para o dia 31 de janeiro de 2022, seja apenas para a confirmação da chapa majoritária com a definição do vice e dos dois suplentes de senador. Estima-se que das treze siglas que compõe a aliança oito declarem apoio a Brandão.

A candidatura do tucano se consolidou na reunião do dia 29 de novembro quando o governador Flávio Dino anunciou aos dirigentes de partidos sua opção pelo seu vice após consultar todos os atores envolvidos no processo de escolha do representante do grupo. Com o martelo batido a favor de Brandão foi dado o passo para a construção da unidade máxima possível, o que está sendo tentado e poderá acontecer.

O vice-governador travou um verdadeira batalha interna com outros três concorrentes e se sobressaiu; conseguiu reunir o maior número de apoios da classe política e se viabilizar também por um motivo nobre: lealdade aos programas de governo que estão sendo executados e seu compromisso com a continuidade da gestão do governador Flávio Dino.

“Nós temos um processo em curso, houve a reunião com os treze partidos quando nós definimos um procedimento de consultas e eu realizei essas consultas com atores políticos, personagens, lideranças, prefeitos, deputados, partidos e foi a partir dessa aferição que eu constatei que o vice-governador Carlos Brandão reunia a agregação política necessária, exatamente o que tenho defendida no plano nacional, ou seja, uma frente que seja capaz de aglutinar, aglutinar os setores mais populares, os setores a esquerda, porém convergindo em torno do centro político a afim de vencer as eleições”, disse o governador em recente entrevista à revista Carta Capital.

A pré-candidatura de Brandão turbinou já reunião de 29 de novembro quando o governador, apesar das pressões pelo adiamento da decisão do nome que representará o grupo, bateu o martelo e conclamou os partidos a formarem unidade, houve reclamação dos aliados do senador Weverton Rocha, mas Dino manteve sua posição e concedeu prazo de mais dois meses para os dirigentes de partidos debaterem internamente a possibilidade de consenso em torno do indicado. O prazo tá correndo e encerra dia 31 de janeiro.

Na luta interna, Brandão venceu a queda de braço que travou com Weverton Rocha (PDT), Felipe Camarão (PT) e Simplício Araújo (SD). A expectativa agora gira em torno da posição do pré-candidato do PDT que tem afirmado em suas incursões pelo interior do Maranhão que seu projeto não tem recuo, porém, há quem acredite na possibilidade dele desistir e se reagrupar.

  • Jorge Vieira
  • 8/dez/2021

Secretário anuncia Policlínica em evento da Rede Coroado de Natal

As organizações sociais integrantes da Rede Corado de Natal do Polo Coroadinho se mobilizam e articulam-se para conseguir a implantação de uma policlínica para atender as necessidades de saúde dos moradores da região junto ao Governo do Estado.  Essa jornada dos dirigentes comunitários pela implantação desse dispositivo de saúde começou no mês de agosto, quando, pela primeira vez, reivindicaram ao Secretário de Saúde do Estado, Dr. Carlos Lula, e protocolaram pedido escrito ao Governador Flávio Dino, além de auxiliarem nas visitas técnicas para identificar possíveis locais que fossem adequados à sua instalação. No último domingo (05), representando o governador Flávio Dino, o Secretário Carlos Lula participou da 15ª edição do Coroado de Natal para ratificar o compromisso assumido e, publicamente, anunciar que o funcionamento da Policlínica acontecerá nos próximos meses.  A Coordenadora–Geral da Rede Coroado de Natal, Maria Aparecida Rodrigues, sobre esse assunto declarou que “o Polo Coroadinho está em festa por causa de mais uma conquista da população, especialmente, por se tratar do resultado de um diálogo direto entre as organizações sociais e o Governo do Estado”. A Rede Coroado de Natal (RCN)

A RCN é uma organização comunitária, formada por 24 entidades da sociedade civil, que há 15 anos trabalha com o desenvolvimento socioeconômico e cultural do Polo Coroadinho. Ao longo desse período a Rede promove inciativas orientadas para capacitar e empoderar as organizações associadas e articular, junto ao poder público e a iniciativa privada, políticas públicas e outras melhorias para o bairro. O político e as conquistas comunitárias Após o anúncio do Secretário Carlos Lula e a divulgação nos canais de comunicação sobre a Policlínica, o vereador Daniel Oliveira divulgou em suas redes sociais que essa iniciativa tinha a sua Indicação Parlamentar aprovada na Câmara Municipal de São Luis em 17 de novembro passado.                                                                                                                       Assim como ele outros agentes políticos buscam tirar proveito dessa luta legítima da comunidade. A moradora Mariluce Trindade lamentou acerca dessa situação: “esse tipo de atitude enfraquece a ação das organizações sociais que devem ser prestigiadas e fortalecidas”. Por fim declarou que “não entende porque tais políticos não estão conosco o ano inteiro contribuindo para a solução dos nossos problemas e só aparecem nessas ocasiões, próximo das eleições.”

  • Jorge Vieira
  • 7/dez/2021

Assembleia Legislativa é avaliada como um dos Poderes mais transparentes do Maranhão

A Assembleia Legislativa do Maranhão foi avaliada com ‘Índice de Transparência A’ – o mais elevado – pelo Núcleo de Fiscalização do Tribunal de Contas do Estado do Maranhão (TCE/MA), no que diz respeito à divulgação, em tempo real, de informações pormenorizadas sobre a execução orçamentária e financeira em meios eletrônicos de fácil acesso público.

O estudo, realizado em setembro deste ano, destaca o Legislativo maranhense como um dos Poderes mais transparentes na avaliação da Corte de Contas do Estado.

Para estabelecer o índice, o demonstrativo leva em conta o cumprimento de 13 itens observados no Portal da Transparência com informações exigidas por lei. São eles: receita, despesa, transferências voluntárias recebidas/realizadas, recursos humanos, diárias, licitações e contratos, relatórios fiscais, serviço de Informações ao cidadão, acessibilidade, informações prioritárias, informações institucionais, Poder Legislativo Estadual ou Municipal.

Critérios – O estudo tem como objetivo verificar o cumprimento da legislação vigente e dos princípios constitucionais relativos à transparência e à publicidade dos atos. Conforme a avaliação, a Assembleia Legislativa do Maranhão cumpriu as exigências estabelecidas na maioria dos critérios.

Para o presidente do Parlamento Estadual, deputado Othelino Neto (PCdoB), a avaliação positiva feita pelo Núcleo de Fiscalização do TCE mostra que tem dado certo todo o trabalho desenvolvido pela Casa do Povo para atingir a excelência no quesito transparência.

“O índice A atribuído à Assembleia só corrobora com aquilo que sempre primamos, que é a total transparência de nossas práticas e atos administrativos. No nosso Portal da Transparência, todas as informações estão dispostas de forma bem clara, como assim exigem as normas. Eu fico imensamente feliz por termos recebido essa avaliação tão positiva, o que significa que estamos no caminho certo”, disse Othelino Neto.

O diretor-geral da Alema, Valney Pereira, explicou que o quesito relativo à transparência consiste no fornecimento de informações referentes, principalmente, às receitas e despesas que são executadas pela Casa. “E no Portal da Transparência, esses dados estão demonstrados de forma minuciosa para que os órgãos de controle e os próprios cidadãos possam fazer o acompanhamento dos gastos públicos”, enfatizou.

  • Jorge Vieira
  • 7/dez/2021

“Valdemar cumpriu certinho comigo”, diz deputado Maranhãozinho em gravação feita pela PF

O Globo — Um vídeo gravado pela Polícia Federal (PF) no escritório do deputado Josimar Maranhãozinho (PL-MA), flagrado com uma caixa de dinheiro, mostra o parlamentar contando que Valdemar cumpriu um acordo e deu R$ 9 milhões durante as eleições municipais de 2020. “Valdemar”, segundos os investigadores, seria Valdemar Costa Neto, presidente do PL, partido que abrigou recentemente o presidente Jair Bolsonaro.

A gravação feita por meio de uma câmera escondida faz parte de uma ação controlada da Polícia Federal, autorizada pelo Supremo Tribunal Federal (STF), para apurar se Maranhãozinho desviou verba de emenda parlamentar. Em uma das filmagens, realizada no dia 27 de outubro de 2020, uma pessoa não identificada questionou o parlamentar:

— Mas está pronta a campanha, né…

Maranhãozinho, então, respondeu:

— Valdemar cumpriu certinho comigo (…) Sim, 9 milhões ele me deu.

Maranhãozinho já era deputado federal e não concorreu a nenhum cargo naquele ano. Presidente do diretório do PL no Maranhão, o parlamentar apoiava dezenas de prefeitos do seu partido no estado.

Procurado, o deputado não explicou a origem dos R$ 9 milhões que teria recebido de “Valdemar” nem negou a referência ao presidente do PL. Por meio de nota enviada por sua defesa, o parlamentar disse que “os vídeos foram criminosamente vazados, sendo que, neste caso, foram pinçados trechos para distorcer a verdade dos fatos” e afirmou que se “colocou à disposição dos órgãos investigativos”.

Já Valdemar Costa Neto alegou que os recursos foram destinados a Maranhãozinho, porque ele comanda o partido no Maranhão e é o responsável por distribuir os recursos do fundo eleitoral aos prefeitos do estado. O presidente do PL encaminhou à reportagem uma planilha que relaciona as transferências do partido às campanhas dos candidatos do Maranhão em 2020. O documento aponta repasses que totalizam R$ 13,5 milhões. No entanto, segundo o arquivo, apenas R$ 4,9 milhões haviam sido transferidos até 27 de outubro de 2020, quando Maranhãozinho foi flagrado pela PF dizendo que teria recebido R$ 9 milhões do chefe da legenda.

Gravado pela Polícia Federal, Josimar Maranhãozinho (PL-MA) é suspeito de desviar verbas de emendas parlamentares.

Em outra gravação, realizada em 21 de outubro, Maranhãozinho participa de uma reunião em que é questionado por um assessor sobre como resolver uma questão de marketing de uma campanha eleitoral. O deputado, então, respondeu:

— Eu tenho…eu tenho…em espécie, agora, eu tenho duzentos. Aí, eu posso viabilizar pra ver se eu consigo sacar. Porque não dá para usar nota, aí, então, tem que pagar por fora mesmo — afirmou o parlamentar na gravação.

A PF destaca que esse trecho do vídeo reúne “indícios” de que aquela não foi a primeira entrega de valores em espécie feita por Maranhãozinho. Uma gravação revelada pelo GLOBO mostra o parlamentar entregando uma caixa de dinheiro que, segundo ele, teria R$ 250 mil.

Procurado para comentar as gravações, o gabinete do deputado alegou, em nota, que as imagens retratam a “atividade empresarial na pecuária com compra e venda de gado e equipamentos” e que o parlamentar é alvo de “perseguição política”.

‘A caixa secou’

No vídeo gravado pela PF em 27 de outubro de 2020, Maranhãozinho e seu aliado também falam sobre como organizam as finanças das campanhas. Em certo momento, o deputado faz um alerta para o seu interlocutor não gastar o dinheiro com “besteira”. Ao ouvir o conselho do parlamentar, a pessoa não identificada contou que guardou o dinheiro em uma caixa no quarto de seu pai, mas os recursos “secaram”.

— Cheguei lá em casa para encontrar 480 mil (inteligível). Estava no quarto de meu pai numa caixa. Ele toda hora pega. Quando foi ontem, foi ontem.. eu falei pai, vim aqui pegar aqui. Ele falou, meu filho a caixa secou aqui… — afirmou, aos risos.

O esquema

Segundo a Polícia Federal, o esquema de desvio de dinheiro teria começado em abril de 2020, quando o deputado alocou R$ 15 milhões em emendas parlamentares destinadas à área da saúde para diversas prefeituras do Maranhão. Alguns dos municípios beneficiados contrataram, inclusive com dispensa de licitação, empresas que, de acordo os investigadores, possuem vínculos com Maraonhãozinho.

Relatórios do Coaf (Conselho de Controle de Atividades Financeiras), órgão de combate à lavagem de dinheiro, identificaram “vultuosos saques” nas contas das firmas ligadas ao deputado. Uma delas é a Medshop, que recebeu R$ 3,9 milhões por meio dos fundos de saúde de cinco municípios. Após esses repasses, entre junho e agosto de 2020, foram feitos 13 saques em espécie das contas da empresa no valor total de R$ 3,1 milhões.

A partir dessas movimentações financeiras, a PF decidiu seguir os passos das pessoas responsáveis por realizar os saques nos nomes das empresas. Durante a vigilância, os policias descobriram que os suspeitos saíam do banco e se dirigiam a um escritório de Maraonhãozinho, onde os investigadores gravaram, com autorização judicial, o deputado entregando caixa de dinheiro.

Diante das provas colhidas ao longo da investigação, a PF chegou a pedir a prisão do parlamentar, apontando que ele descumpriu uma das medidas cautelares que o impedia de manter contato com outros investigados. Mas o ministro Ricardo Lewandowski, do Supremo Tribunal Federal, negou o pedido sob argumento de que a Constituição permite a prisão de parlamentares apenas em casos de flagrante delito de crime inafiançável.

  • Jorge Vieira
  • 7/dez/2021

Flávio Dino diz que optou por Carlos Brandão após consulta aos atores políticos do grupo

Em entrevista à versão eletrônica da revista Carta Capital, o governador Flávio Dino (PSB) explicou as razões que o levaram a fazer opção pela pré-candidatura do vice-governador Carlos Brandão (PSDB) para representar o grupo que lidera na eleição para governador do estado em 2022.

Segundo o governador, a decisão de apoiar Brandão ocorreu após consultas a todos os atores políticos envolvidos no processo, tendo ele chegado a conclusão de que o vice é quem reúne as melhores condições de representar o grupo pela capacidade de agregar.

“Nós temos um processo em curso, houve a reunião com os treze partidos quando nós definimos um procedimento de consultas e eu realizei essas consultas com atores políticos, personagens, lideranças, prefeitos, deputados, partidos e foi a partir dessa aferição que eu constatei que o vice-governador Carlos Brandão reunia a agregação política necessária, exatamente o que tenho defendida no plano nacional, ou seja, uma frente que seja capaz de aglutinar, aglutinar os setores mais populares, os setores a esquerda, porém convergindo em torno do centro político a afim de vencer as eleições”.

Dino voltou a confirmar que será candidato ao Senado e argumentou que sua opção por Brandão foi coerente com o que tem defendido: “Eu diria que é uma movimentação coerente com o que tenho defendido no plano nacional e que terá sua conclusão nesta fase no dia 31 de janeiro quando haverá uma nova reunião dos partidos e ai sim teremos a provável oficialização da chapa que terá o meu apoio nas eleições de 2022 aqui no estado”.

Pela manifestação do governador, a reunião do janeiro será apenas para confirmar a chapa, que já tem candidato ao  governo e ao Senado, faltando apenas definir a questão do vice e dos suplentes de senador. Até lá as conversações tomarão ritmo acelerado com a finalidade de promover a “unidade até onde for possível”, conforme anunciou o governador na última reunião com os dirigentes de partidos.

  • Jorge Vieira
  • 6/dez/2021

“Pela história do nosso partido decidimos apoiar Carlos Brandão”, diz presidente do Cidadania

Embora a senadora Eliziane Gama (Cidadania) continue insistindo na pré-candidatura do senador Weverton Rocha (PDT), que sofre processo de esvaziamento desde que o governador Flávio Dino (PSB) declarou apoio à pré-candidatura de Carlos Brandão (PSDB), o presidente estadual do Cidadania, Eliel Gama, irmão da senadora, gravou vídeo e publicou nas redes sociais reafirmando compromisso com o vice-governador.

“Nós temos muita tranquilidade em apoiar o Carlos Brandão pela história, a história do nosso partido que é irmão do PSDB; também pelo próprio Brandão que tem sido uma pessoa amiga desde 2006, uma pessoa que temos tido diálogo constante. E alegria maior, que neste momento que o Maranhão passa por tantas lutas nós temos um governador, o melhor do Brasil, fazendo uma grande gestão aqui no estado e Brandão, nós entendemos, que é o melhor nome, pela lealdade e compromisso que ele tem com a nossa gente”, diz a mensagem publicada no Twitter.

A senadora, apesar do mandato e do destaque durante a CPI da Covid-19, não conseguiu convencer seus companheiros de legenda a embarcar no foguete do represente do PDT, que padece da falta de combustível para decolar e já cresce nos bastidores da sucessão a aposta de que poderá desistir da aventura diante da forte guinada da base de sustentação do governo a favor de Brandão.

O pré-candidato do PDT estaria sofrendo pressões de integrantes do próprio PDT com cargos no governo a desistir do projeto pessoal, se reagrupar e continuar seguindo as orientações do governador Flávio Dino para 2022. Emissários da aliança governista também estariam agindo para tentar convencê-lo a adiar seus plano em nome da unidade do grupo.

No dia 30 de novembro, um dia após o governador manifestar aos presidentes de partidos da aliança sua preferência pelo vice-governador, a senadora postou mensagem em sua rede social tentando evitar debandada geral afirmando que a “pré-candidatura de Weverton continua”, mas sua declaração, pelo visto, não conseguiu sensibilizar sequer seus companheiros de legenda.

Diante do esvaziamento e da falta de apoio político, a pré-candidatura foguete de “Meu Preto”, ao que tudo indica, começa sofrer de inanição. Um experiente político, diante do quadro atual, fez o seguinte comentário ao blog: “Se o senador tiver juízo que procure se reagrupar antes que seja tarde e perca o bonde da história”.

 

  • Jorge Vieira
  • 5/dez/2021

Governador Flávio Dino acompanha abertura do Natal do Maranhão em Imperatriz

O governador Flávio Dino esteve em Imperatriz, neste sábado (4), onde entregou uma unidade da Policlínica, acompanhou o início das atividades do Centro da Pessoa Idosa e participou da abertura do Natal do Maranhão no município.

Conhecida como a ‘Princesa do Tocantins’, a maior cidade da Região Sul do Maranhão, contou com uma programação especial em celebração ao período natalino. No Calçadão, principal centro comercial da região, foi instalada uma decoração especial com jogo de luzes. Na Beira Rio, cartão-postal da cidade, foi montada uma Árvore de Natal e preparadas atrações em referência à festa natalina.

Ainda em Imperatriz, a Secretaria de Estado da Cultura (Secma) projetou videomapping na fachada da Academia Imperatrizense de Letras (AIL), um show de luz e som, com imagens que remetem à música, cultura e história do município. O espetáculo prossegue até o dia 6 de janeiro de 2022.

“Nós acreditamos que o Natal é uma festa de fraternidade, de encontros nos nossos lares, nos locais de trabalho, mas também nas praças, nos espaços públicos, porque nós precisamos de uma sociedade baseada no amor, no carinho, no respeito entre as pessoas. Quando nós promovemos uma festa, uma decoração de espaços públicos, nós estamos, exatamente, estimulando esses bons valores na sociedade, a fim de que todos lembremos que Jesus Cristo, quando veio ao mundo, trouxe essas mensagens para nós. E celebrar o Natal é uma forma de revivê-las. Além disso, temos uma vasta programação que vai gerar, também, oportunidades para os profissionais da cultura, grupos, corais, cantores da cidade”, frisou Dino.

Para o secretário de Estado da Cultura, Anderson Lindoso, as festas como a de Natal são de suma importância para a renovação de esperanças, confraternização e valorização de artistas locais.

“As festas de Fim de Ano, Natal, são momentos muito importantes para a comunidade cristã, para o mundo, porque é um momento em que renovamos esperanças para o ano que finda e para o ano que está chegando. Nós do Governo do Maranhão estamos lançando uma programação extensa, bem ampla, que envolve São Luís, a segunda capital do Estado, que é Imperatriz e, também, outros municípios a exemplo de Caxias, que estamos apoiando para dar oportunidade aos nossos artistas”, pontuou Lindoso.

1 2 3 2.302

Buscar

Mais Lidas

Flávio Dino diz que optou por Carlos Brandão após consulta aos atores políticos do grupo
PCdoB é mais um partido da base governista a declarar apoio a Brandão  
Brandão não descarta trocar PSDB pelo PSB para ter PT na chapa 
"Pela história do nosso partido decidimos apoiar Carlos Brandão", diz presidente do Cidadania
aplikasitogel.xyz hasiltogel.xyz paitogel.xyz