Logo Blog
aplikasitogel.xyz hasiltogel.xyz paitogel.xyz

Propina: Líder do governo abre sigilos e diz que legislativo não pode ficar com pecha de corrupto

O líder do governo, deputado Manoel Ribeiro (PTB), abriu mão dos seus sigilos bancário, fiscal e telefônico e cobrou esta manhã, na tribuna, que a Corregedoria da Casa investigue a denúncia sobre recebimento de propina para a votação da lei que autorizou a derrubada de babaçuais em áreas urbanas. “Abro meus sigilos e espero ser convocado para declinar o nome do deputado que me contou a história do empresário que teria perguntando se ele havia recebido R$ 50 mil pela aprovação do projeto do deputado Stênio Resende (PMDB)”, desafiou.
Segundo o líder do governo, a Corregedoria precisa lhe convocar com a máxima urgência para que informe o nome do deputado. Em conversa com o blog, no entanto, Manoel Ribeiro confirmou que ouviu a denúncia do deputado Rogério Cafeteira (PMN). Porém, durante o discurso, ele pediu sua convocação para que revele oficialmente o nome do deputado. “Me convoquem que eu digo quem me disse, mas o que não pode é ficar trinta deputados com pecha de corruptos”, defendeu.
O líder do governo se comprometeu assinar a CPI proposta pelo deputado Bira do Pindaré se até o final do prazo a Corregedoria não apresentar o resultado da investigação. Disse que não assina agora porque cheiraria politicagem.
Manoel Ribeiro confessou que tomou conhecimento da denúncia na última terça-feira, após a reunião da Comissão de Constituição e Justiça, através de um deputado e que na hora que for convocado pela Corregedoria vai dizer o nome de quem disse e das testemunhas. “Não recebi nada de ninguém e acredito que nem teriam coragem de fazer uma proposta dessa, pois minha reação seria devolver a oferta com ignorância”, revelou.
Diante do discurso moralizador do líder governista, o líder da oposição deputado Marcelo Tavares recomendou que só há um jeito da Assembleia Legislativa apurar com profundidade quem corrompeu e que foi corrompido: criar a CPI.
Para o deputado Bira do Pindaré, autor do requerimento, o discurso de Ribeiro foi um avanço, pois ele se compromete assinar a CPI se a Corregedoria não conseguir desvendar o teor da denúncia de que um parlamentar teria recebido R$ 1,5 milhão de um consórcio ligado à construção civil para a aprovação da lei que flexibilizou a derrubada da palmeira de babaçu.         

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Buscar

Mais Lidas

PT solicita ao PSB adiamento de decisão sobre candidatura ao governo
Com carisma e humildade Edivaldo Holanda Junior consolida candidatura
Felipe Camarão chama Bolsonaro de "insano e asqueroso" por espalhar notícia falsa contra vacina
Flávio Dino e Bira rebatem Guedes e dizem que solução para a Petrobras não é privatizar
aplikasitogel.xyz hasiltogel.xyz paitogel.xyz