Logo Blog
aplikasitogel.xyz hasiltogel.xyz paitogel.xyz

O PT no palanque de Flávio Dino é imperativo, diz deputado Luis Henrique Lula da Silva

O deputado estadual Luiz Henrique Lula da Silva, que assumiu nesta terça-feira (15) o mandato em substituição ao vice-líder do governo Zé Inácio, que entrou de licenciou para se submeter a um procedimento cirúrgico, disse aos jornalistas Jorge Vieira, Daniel Amorim e Robson Paz, apresentadores do programa Contraponto, da Rádio Timbira, que o palanque do presidente Lula no Maranhão naturalmente será o palanque do governador Flávio Dino (PCdoB), até pela afinidade e pelas posições que o partido ocupa hoje no Governo do Estado.

Membros da Executiva Nacional, órgão máximo de deliberação do PT, Luís Henrique observou que os petistas estão em posição confortável e considera imperativo o partido está no mesmo palanque do governador. “Flávio Dino foi um dos governadores que mais defendeu o Lula nos momentos mais difíceis, então é obvio que do mesmo jeito que o governador está buscando a unidade deste grupo, eu acredito que o presidente Lula fará gesto no mesmo sentido, de conformar politicamente o Maranhão para que esse grupo que hoje dar sustentação ao Governo do Estado tenha permanência de maneira unificada e é nessa perspectiva que nós estamos trabalhando”

Segundo o dirigente petista, a decisão da direção nacional coloca como centro da estratégia do PT para o ano que vem a eleição do presidente Lula. Ele adianta que o palanque do Lula do Maranhão é o palanque do PT. “Nós desta vez temos o conforto, diferente de outros tempos, de termos uma conformação política em torno do companheiro Flávio Dino que é muito grande, é imperativa por tudo que o PT possui em relação ao governo, seja ideológica, seja como partícipe. O PT tem hoje três secretarias importantes: Direitos humanos, Economia Solidária e agora a Educação, então eu creio que que o palanque do Lula deve ser o palanque do Flávio.

Felipe Camarão no PT – Henrique, que foi um dos maiores entusiasta do ingresso do secretário de Educação Felipe Camarão no PT, disse que o pedido de filiação foi bem recebida pelo perfil e pelas qualidades pessoais. Lembrou que o primeiro emprego público de Felipe, de procurador da Universidade Federal do Maranhão do Maranhão, foi Lula quem o nomeou, que esteve com ele e o defendeu quando de sua prisão, ficou ao lado de Dilma quando a mesma sofreu o golpe, apoiou a candidatura d Fernando Haddad e ainda contou com o apoio e incentivo do governador para se filiar no PT.

“Ele tem a cara do PT, eu o convidei várias vezes e ele me dizia isso: Olha nós temos um líder no estado e eu não posso fazer nenhum movimento político porque eu não sou político, eu estou num cargo político, sem conversar com meu líder, o líder de todos nós, a grande liderança da esquerdado Maranhão que é o governador Flávio Dino, eu não quero tomar nenhuma atitude e nem quero precipitar isso. Quando foi agora ele tomou a decisão, comunicou o governador, o governador o apoiou e estimulou e ele procurou a mim e a todos os companheiro que coordenam as forças internas do partido e construiu um ambiente de acolhimento no PT”.

O dirigente petista disse ainda que não foi difícil a aceitação porque Felipe é um dos melhores secretário do governo e todo partido gostaria de tê-lo em seus quadros. “Ele é um cara dessa nova geração de políticos do Maranhão que tem uma das cabeças mais brilhantes, é um sujeito que tem comprometimento, trata aliados e adversários de igual modo e isso nunca foi tão importante num momento em a gente respira ódio, preconceito, descriminação, que nós somos governados por um insano, irresponsável, genocida como é Bolsonaro. Felipe é uma benção. Ele chega e não estamos trocando um deputado por outro. O deputado Zé Carlos faz um grande mandando, tem uma grande contribuição ao país e o que nós vamos fazer é dobrar a bancada porque não adianta Lula ganhar e ficar na mão do Centrão. Com Felipe temos a certeza que será mais um deputado eleito pelo PT do Maranhão”, observou.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Buscar

Mais Lidas

“Estou a disposição do grupo a qual faço parte para qualquer missão”, diz Felipe Camarão sobre candidatura ao governo
Edivaldo confirma pré-candidatura ao governo em 2022 durante ato de filiação ao PSD
Candidatura de Edivaldo eleva a sucessão estadual a outro patamar
Apesar dos comentários, deputado Neto Evangelista diz não acreditar em desistência de Weverton
aplikasitogel.xyz hasiltogel.xyz paitogel.xyz