Logo Blog
aplikasitogel.xyz hasiltogel.xyz paitogel.xyz

Líder do governo Flávio Dino desmonta “fake news” sobre sistema prisional do Estado

O líder do governo na Assembleia Legislativa, deputado Rafael Leitoa (PDT), usou a tribuna quarta-feira (10) para condenar a “plantação” das chamadas “fake news” contra o sistema carcerário do Estado. O parlamentar lamentou a circulação de notícias falsas que visam desacreditar o trabalho do Governo do Maranhão na área da segurança pública.

Leitoa ressaltou o trabalho do governo estadual em prol das políticas de ressocialização de presos e deu como exemplo o município de Timon, onde foi instalada a  Associação de Proteção e Assistência aos Condenados (APAC), sendo apenas uma das diversas atividades de proteção ao encarcerado no Maranhão.

“Nos últimos dias, como forma de desconstruir essas políticas e com o auxílio das ‘fake news’, políticos locais e nacionais, alinhados ao Palácio do Planalto, inverteram o significado da ampliação de espaços no Complexo Penitenciário de Pedrinhas. No Brasil, não há pena de morte e tampouco prisão perpétua. Após julgados e condenados, os homens que ali estão merecem, por lei e por humanidade, um tratamento que busque o retorno à vida social”, disse o deputado.

E prosseguiu: “Os recursos para esta ampliação são de 2017, que foram aprovados, lançados em 2018 e licitados ainda em 2020. Agora, assinaram o contrato de execução. Além dos galpões multiuso, que servem para aprendizado, para formação profissional, no valor de dois milhões trezentos e oitenta, e os galpões médio no valor de 1 milhão e 300 mil reais. É um conjunto de obras que vai melhorar a infraestrutura dos presídios maranhenses”, ressaltou o deputado Rafael.

Para finalizar, o deputado lembrou que os índices de assassinatos dentro dos presídios maranhenses, antes do governo Flávio Dino, eram destaques em rede nacional. “As cabeças rolavam por cima do muro e hoje, com projetos como o Rua Digna, cujos blocos de cimento são produzidos pelos internos do Sistema Prisional do Maranhão, a construção de móveis escolares e a produção de fardamento escolar pelos apenados, a situação é completamente diferente. A Lei Penal credencia tudo isso que a Secretaria de Estado de Administração Penitenciária tem feito, ou seja, um brilhante trabalho, buscando sempre a ressocialização”.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Buscar

Mais Lidas

Posição do PT sobre sucessão estadual vai depender de orientação da direção nacional, diz Augusto Lobato
Weverton acredita que Dino irá ouvir os partidos antes de bater o martelo sobre seu sucessor
MDB vai abrir discussão com todas as forças políticas sobre sucessão, diz deputado Roberto Costa
Gaeco realiza operação contra corrupção em cinco municípios
aplikasitogel.xyz hasiltogel.xyz paitogel.xyz