Logo Blog
aplikasitogel.xyz hasiltogel.xyz paitogel.xyz

Institutos alvo do Gaeco tiveram acesso a recursos públicos entre 2009 e 2018

As investigações sobre os dois institutos alvos da operação “Faz de Conta”, realizada pelo Gaeco e o Ministério Público nesta terça-feira (5), indicam que eles começaram ter acesso a recursos públicos via iniciativa de alguns vereadores de São Luís, após o “Renascer” e “Periferia” serem reconhecido como sendo  a “utilidade pública”, o que lhes permitiu celebrarem convênios com a Prefeitura de São Luís através de emendas parlamentares.
Conforme a investigação do Ministério Público, os institutos passaram a obter benefício após serem declaradas instituições “sem fins lucrativos”, o que ficou está sendo agora questionado diante da suposta fraude para obter por meios ilícitos recursos públicos.

Segundo a investigação em curso, o Instituto Renascer passou a ter acesso a recursos públicos a partir de 2018, após a proposta do vereador Honorato Fernandes (PT) ser aprovada e consequentemente transformar a entidade sob suspeita em instituição de utilidade pública no final de 2017, conforme publicação no Diário Oficial do Município.

O Instituto Periferia, por sua vez, vem se beneficiando da fraude a mais tempo. A entidade foi considerada de utilidade pública desde a gestão do prefeito João Castelo, quando foi considerada de utilidade pública em 2009. Existe suspeita de que o Periferia seja ligado ao vereador Isaías Pereira, o Pereirinha.

Segundo o Gaeco, os institutos eram utilizados para desviar emendas parlamentares.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Buscar

Mais Lidas

Governador Carlos Brandão anuncia medidas para garantir segurança pública e alimentar
Weverton Rocha quer que maranhenses paguem para andar nas rodovias MAs
Escritor Altemar Lima lança seu mais novo livro com espetáculo musical em São Luís
Edivaldo anuncia criação do Auxílio Maranhão para o combate à extrema pobreza e reafirma prioridade aos que mais precisam
aplikasitogel.xyz hasiltogel.xyz paitogel.xyz