Logo Blog
aplikasitogel.xyz hasiltogel.xyz paitogel.xyz

Folha afirma que foi censurada por Braide

O candidato a prefeito de São Luís, Eduardo Braide (Podemos), censurou matéria do Jornal Folha de S. Paulo, em que um documento do Ministério Público Federal (MPF) cita ele como investigado. A censura foi assinada pela juíza Cristina Sousa Ferraz Leite, da 76ª Zona Eleitoral do Maranhão, também investigada pelo Ministério Público do Maranhão em 2016, a pedido do Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) em pedido de apuração de supostas violações à ordem jurídica praticadas à frente do caso de irregularidades na Secretaria de Estado da Fazenda (Sefaz) a época do governo Roseana Sarney.

A Folha de São Paulo afirma que a ordem da ministrada, viola a garantia constitucional que assegura liberdade de imprensa e acesso à informação e explica que a matéria não cita o candidato como indiciado (argumento feito pela juíza do caso para retirar a matéria do ar) mas como investigado. O caso apontado pela Folha diz respeito a uma investigação sobre desvios em licitações em movimentações atípicas pelo Conselho de Controle de Atividades Financeiras (COAF) entre 2011 e 2014, quando Braide era deputado estadual.

O advogado da Folha, Luiz Francisco Carvalho Filho, disse que a censura é intolerável e que o jornal tomará providencias para que a decisão seja revista. O presidente da Associação Brasileira de Imprensa (ABI), Paulo Gerônimo repudiou a ação. “Mais um ato intolerável de censura, sabidamente inconstitucional. A ABI repudia esse desrrespeito à liberdade de imprensa e tem certeza que a decisão será revogada”, disse Gerônimo.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Buscar

Mais Lidas

Roseana Sarney contrata pesquisa para tomar decisão sobre 2022
Edivaldo já possui agenda de visitas ao interior do Estado
PT repete sua trajetória de rachas em eleições majoritárias no Maranhão
Ataque a jornalistas da Globo pode ter sido encomendado por políticos
aplikasitogel.xyz hasiltogel.xyz paitogel.xyz