Logo Blog
aplikasitogel.xyz hasiltogel.xyz paitogel.xyz

Na Fiema, consultor da CNI diz que transformações trazem desafios para a indústria brasileira

Foto:
Veruska Olivieira/Ascom/Fiema
Jorge Arbache: indústria brasileira enfrenta desafios dentro e fora do país

O economista e consultor da Confederação Nacional da Indústria (CNI), Jorge
Arbache, afirmou que as transformações que o mundo tem passado nos últimos
tempos, trouxe desafios para indústria brasileira, mas também abre
oportunidades. Ele foi o principal palestrante do Dia do Empresário da
Indústria de São Luís e região, promovido pela Federação das Indústrias do Estado
do Maranhão (Fiema), por meio do Programa de Desenvolvimento Associativo (PDA).

Na sua
apresentação, Arbache fez uma contextualização do cenário econômico
internacional e brasileiro e apontou oportunidades que surgem nestes cenários.
“Pelos estudos que desenvolvemos, a indústria tem perdido participação no
Produto Interno Bruto, apesar de tantas oportunidades estarem se apresentando e
isso ocorre porque houve mudanças tecnológicas rápidas no mundo, pelo fato da
China ser um gigantesco player e os Estado Unidos estar voltando a ser uma
potencia industrial”, explicou o economista a certa dos fatores externos.
Em
relação aos fatores internos, Arbache apontou que além da logística deficitária
e da pesada carga tributária, há outros fatores jogando contra a indústria
brasileira. “A indústria sofre com o fato do setor de serviços ter que correr
muito ainda, em termos tecnológicos. O setor de serviços esta atrasado e isso
trouxe a perda de competitividade da nossa indústria. Além deste fator, a
escassez  de profissionais de alto nível em nosso país afeta diretamente a
produtividade da nossa indústria e que leva ao aumento do custo de produção”,
comentou.     
Além
destas constatações, Arbache disse que a indústria brasileira não pode se
contentar com commodities para desenvolver o país. “É preciso agregar valor aos
produtos de exportação para evitarmos um cenário onde exportamos insumos e
compramos produtos acabados no mercado internacional. A lógica mudou e agora
somos uma economia aberta que pode receber produtos de qualquer parte do
mundo”, disse o economista, que já trabalhou para o Banco Mundial em
Washington.
DATA
Para o
segundo secretário da Fiema e presidente do Sindicato das Indústrias de
Panificação e Confeitaria de São Luís (Sindipan), Pedro Robson de Holanda, que
representou o presidente da Fiema, Edilson Baldez das Neves, na ocasião.
Holanda
afirmou que o encontro foi um momento de integração para os empresários, de
troca experiências sobre dificuldades comuns e possíveis soluções para temas
importantes que envolvem o desenvolvimento do setor industrial maranhense.
”O dia do
empresário da indústria não é uma data, mas uma oportunidade de mobilizar
empresários industriais para a discussão de temas relevantes para o
fortalecimento da indústria da região, além de apresentar a atuação e os
serviços oferecidos pelos sindicatos e pelas entidades que compõe o Sistema
Fiema, que é formado pelo Sesi, Senai, IEL, e pela própria Federação, e
estimular o associativismo. É a primeira vez que realizamos este evento em São
Luís”, disse Holanda.
APRESENTAÇÃO
No
encontro promovido pela Fiema, ainda houve a apresentação do case da Industria
de Processamento de Leite (IPL), apresentado pelo empresário e presidente do
Sindicato das Indústrias de Leite e Derivados do Maranhão (Sindileite),
Alexandre Ataíde.
Ele
contou a história da empresa, que é dona de marcas como o iogurte Bonitto,
 apresentou a projeção para o futuro do empreendimento e a participação do
Sistema Fiema para o crescimento dos negócios gerados pela IPL e
desenvolvimento dos projetos ligados à empresa.
“Na
história de sucesso da IPL sempre constamos com o suporte dos serviços do
Sistema Fiema, que foram muito importantes para consolidar os resultados que
temos hoje. Os empresários do Maranhão podem e devem buscar o Sistema Fiema que
está de braços abertos para recebê-los e ajuda-los a crescer. Sempre usei estes
serviços e posso atestar a o importância deles”, disse Ataíde.
Antes da
apresentação do caso da IPL, o gerente de Relações com Mercado da Fiema, Emmanuel
Vieria Dias, apresentou  as soluções que o Sistema Fiema possui para
tornar e indústria maranhenses mais competitiva, nas áreas de educação,
qualidade de vida, serviços técnicos e tecnológicos, gestão, saúde e segurança
do trabalho e responsabilidade social empresarial. 

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Rádio

Rádio Timbira Ao Vivo

Buscar

Mais Lidas

Apoiadores de Rubens Junior dão largada da campanha com grande carreata no domingo (27)
“Irresponsável e oportunista”, diz Márcio Jerry sobre Braide reforçar clima de violência
Rubens reconhece trabalho de Edivaldo e promete dar continuidade a melhorias no transporte público
“Estamos na rota de crescimento”, afirma Rubens em entrevista à Rádio Mirante
aplikasitogel.xyz hasiltogel.xyz paitogel.xyz