Logo Blog
aplikasitogel.xyz hasiltogel.xyz paitogel.xyz

Casos de dengue continuam em queda na capital

Uma das
prioridades para a Secretaria Municipal de Saúde (Semus), o trabalho de combate
à dengue, semana após semana, tem apresentado resultados positivos no
comparativo com o ano passado. De acordo com dados da Vigilância Epidemiológica
e Sanitária do município, até a semana 18 (período de 1° de janeiro a 8 de
maio) de 2013, houve redução de 45% no número de casos da doença. 
Foram
registrados 198 casos de dengue em São Luís, contra 361 casos no mesmo período
de 2012. O índice de letalidade também caiu de 33,33% em 2012 para 100% neste
ano.
 “Combater
a dengue deve ser hábito diário e é muito importante que a população coloque em
prática tudo o que já aprendeu sobre os cuidados para se prevenir”, afirma o
secretário de Saúde, Vinícius Nina.
Os
bairros com maior número de casos registrados são o São Francisco, Centro,
Bequimão e Vila Palmeira, com sete casos cada. São Francisco, Bairro de Fátima,
Cidade Olímpica, Turu, Recanto dos Vinhais, Vila Conceição, Cohaserma, Jardim
Renascença I, Forquilha, Angelim, Porto Grande, Alto do Calhau e Anil são os
distritos onde a dengue mais atingiu a população, com um caso registrado em
cada bairro.
Informação
em prática
O bom uso
da informação é uma das principais ferramentas de combate à dengue. O trabalho
da Semus neste ano de 2013 está focado justamente na disseminação da informação
preventiva. “Nossos técnicos foram a cada um dos bairros da cidade em encontros
nas associações de moradores e entidades afins, para que cada morador saiba de
sua responsabilidade dentro de nossa luta contra a dengue. Não podemos
banalizar uma doença que mata”, diz o superintendente de Educação em Saúde da
Semus, Marcos Pacheco. 
Além do
trabalho de disseminação da informação preventiva, a Semus conta com as visitas
dos agentes de saúde e a passagem dos carros fumacê nas áreas de foco. Também
foram realizadas capacitações para enfermeiros e técnicos de enfermagem da
Unidade Mista Itaqui-Bacanga e Agentes Comunitários de Saúde de Alcântara.
Foram dadas orientações sobre o papel do médico no controle da dengue aos
alunos do 10° período do curso de Medicina da Universidade Federal do Maranhão
(UFMA).
Medidas
de prevenção
– Limpar
o quintal, jogando fora o que não é utilizado;
– Tirar
água dos vasos de plantas;
– Colocar
garrafas vazias de cabeça para baixo;
– Manter
os quintais bem varridos, eliminando recipientes que possam acumular água, como
tampinha de garrafa, folhas, sacolas plásticas etc.
Cuidados
com reservatórios de água
– Tampar
toneis, depósitos de água, caixas d’água e qualquer tipo de recipiente que
possa reservar água;
– Escovar
bem as bordas dos recipientes: (caixas d’água, tanques, tonéis, vasilha de água
e de comida para animais, vasos de plantas,) e mantê-los sempre limpos.

Esfregar mais a parte onde não tem água, pois o mosquito põe o ovo nessa área.
Caso seja colocada a água para completar o reservatório sem a devida limpeza,
aquele ovo vira larva e, em sete ou oito dias, nascerá de cada ovo um novo
mosquito.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Buscar

Mais Lidas

Flávio Dino entrega Sagrima ao PT e se afasta de Josimar de Maranhãozinho
Maranhão perderá R$ 740 milhões por ano com mudança do ICMS sobre combustíveis
Edivaldo Holanda Junior visita lideranças do Baixo Parnaíba
Reportagem do UOL destaca Edivaldo Holanda Junior como um dos principais nomes à sucessão estadual no Maranhão em 2022
aplikasitogel.xyz hasiltogel.xyz paitogel.xyz