Logo Blog
aplikasitogel.xyz hasiltogel.xyz paitogel.xyz

Vice-governador Carlos Brandão sobre 2022: no momento o foco é na gestão

O vice-governador Carlos Brandão, que assumir o comando do estado no início de janeiro com a afastamento do governador Flávio Dino para um período de descanso, foi bastante claro ao conceder entrevista ao programa Os Analista, da TV Guará, semana passada, no que diz respeito a tentativa do senador Weverton Rocha (PDT) em antecipar as discussões sobre as eleições de 2022. Para Brandão, o momento é de focar na gestão e deixar o debate sobre este assunto para o momento oportuno.

Usando a emissora de rádio que dá sustentação ao seu projeto político para 2022, o senador chegou a afirmar que estaria disposto a abrir mão de sua candidatura se o vice-governador também fizesse o mesmo e apresentou como sugestão para manter a unidade do grupo liderado pelo governador Flávio Dino o nome do prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Junior, que está concluindo o segundo mandato muito bem avaliado pela população.

Ao ser questionado sobre a proposta defendida pelo senador do PDT, o vice observou: “Acho que todo mundo tem o direito, mas esse assunto a gente tem que discutir mais para frente. Imagine se o vice-governador, o governador começar a discutir eleição de 2022, acaba o governo, então a gente quer focar é na gestão. Eu estou com uma agenda de inauguração de obras e lançamento de obras que eu praticamente não vou parar em São Luís.

Sobre a sua possível candidatura ao governo, já que estará no comando do Estado com a provável desincompatibilização do governador para concorrer a um mandato de senador, vice-presidente ou presidente da República em 2022, Brandão disse que as pessoas fazem essa avaliação por conta da sua condição natural e pelo histórico de quem está no governo ser candidato.

“De fato eu tenho uma situação diferenciada porque ao assumir o governo eu só tenho duas opções por lei: uma é ser candidato a governador, eu não posso ser candidato a outra coisa, a outra é não ser candidato a nada, então é plano A ou B, então isso é uma coisa que realmente me limita. Outros não, podem ser candidatos a deputado estadual, federal, senador, presidente da República, mas eu tenho meus limites.

Brandão disse ainda que além da pauta extensa de inaugurações tem recendido lideranças políticas, prefeitos, ex-prefeitos porque o governo está focado em fazer parcerias e que esse é o foco atual do governo.

“A gente vai fazer um seminário agora em fevereiro para mostrar para os prefeito o que temos nas secretarias para que possamos fazer parcerias. Muitos deles são prefeitos novos, não sabem o que tem em cada secretaria, então nós vamos abrir isso e mostrar para eles para que eles possam se preparar para fazer as parcerias, ai, mais na frente, cada um vai construir o seu caminho, e ai vai decidir se vai ter candidato ou não, se sentir habilitado e tiver um partido, eu não tenho dúvida que todos terão a oportunidade, isso é democrático, da mesma forma que é um assunto que eu vou pensar mais lá na frente.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Buscar

Mais Lidas

Dino diz que centro “está indo para Lula” e que ex-presidente é quem tem mais chances de vencer Bolsonaro
PSL e mais um partido a confirmar adesão ao projeto Weverton 2022
Novos partidos preparam adesão a pré-candidatura de Weverton
Bem avaliado, Edivaldo Holanda Junior pode ser a terceira via em 2022
aplikasitogel.xyz hasiltogel.xyz paitogel.xyz