Logo Blog
aplikasitogel.xyz hasiltogel.xyz paitogel.xyz

Apesar do chilique, WC não reclamou quando Roberto Rocha retirou Bira da eleição em 2016 e colocou o filho em sua chapa

O deputado Wellington do Curso, deu chilique, tentou se fazer de vítima, fez o maior escarcéu ao anunciar seu apoio ao candidato Neto Evangelista (DEM), mas esqueceu de dizer que apenas provou do mesmo veneno que retirou o deputado Bira do Pindaré da eleição de 2016 para colocar o filho do senador Roberto Rocha como vice em sua chapa.

Naquele ano, embalado pelas pesquisas que o colocava em primeiro lugar na corrida pela Prefeitura de São Luís, o PSB, na época sob comando do senador Roberto Rocha, com o mesmo histórico de traidor, preferiu retirar a candidatura do deputado Bira do Pindaré para apoiar justamente Wellington e colocar seu filho Roberto Rocha Júnior como vice.

O parlamentar, como qualquer cidadão tem todo direito de apoiar o candidato que bem entender, mas não tentar passar para população uma condição de coitadinho, querendo dá demonstração de força política, algo muito questionável, e ainda querendo mostrar que tem potencial de transferir votos.

Do Curso não passar um deputado em decadência. Quase não se reelege deputado estadual, obteve pouco mais de 24 mil votos, ficando na rabeira e sem a menor perspectiva de sucesso em sua candidatura a prefeito de São Luís.

Quem acompanha a vida política do Estado, sabe muito bem que o senador Roberto Rocha sempre caminhou com um punhal na mão. Traiu o prefeito Edivaldo que lançou e bancou sua candidatura ao Senado no grupo, traiu o governador Flávio Dino que o elegeu, mas neste caso de WC foi apenas uma questão conjuntural. O partido simplesmente nunca acreditou em seu projeto político.

O PSDB, se acreditasse no sucesso da candidatura de WC, não teria feito opção por outro candidato ou tentado lhe convencer a assumir a condição de vice. Por entender que sua candidatura não teria a menor chance de prosperar, decidiu seguir outro caminho.

Portanto, não adianta Wellington dá chilique, usar microfones de rádios para se fazer de vítima, numa total incoerência com o que não reclamou em 2016 quando o mesmo Roberto Rocha retirou Bira do processo eleitoral e colocou o filho como vice de sua chapa.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Rádio

Buscar

Mais Lidas

Nova pesquisa Datailha/Band confirma disputada embolada entre Duarte 16%, Neto 13% e Rubens 10%; Braide lidera com 38,1%
Braide derrete em todas as pesquisas e vê chance de vitória em um turno escorrer pelos dedos
Após ser ameaçado por Bolsonaro, Flávio Dino desafia presidente a vencer eleição no Maranhão
Pesquisa Interpreta/TV Guará aponta disputa acirrada pelo 2º turno entre Duarte, Neto e Rubens
aplikasitogel.xyz hasiltogel.xyz paitogel.xyz