22 de maio de 2017

Redação: (98) 98205-4499

22/05/2017 -

Jorge Vieira -

Comente

Além de traidor, Roberto Rocha agora deu para mentir

Péssimo empresário, o boa vida Roberto Rocha virou Pinóquio?

O senador Roberto Rocha usou as redes sociais para mentir mais uma vez. Desta vez o parlamentar, também conhecido pela alcunha de “Asa de Avião”, postou no Twitter que ouviu do ministro da Justiça que o governador Flávio Dino teria recusado a construção de um presídio federal. Pura mentira, pois, segundo assessores do Palácio dos Leões, tal oferta nunca existiu.

A declaração do senador é mais um ato de oportunismo diante dos últimos acontecimentos na Penitenciária de  Pedrinhas, onde bandidos explodiram um parte do muro na noite de domingo (21), o que ocasionou fuga de presidiários. Rocha que nunca havia se manifestado sobre o sistema prisional, aparece agora com declarações estapafúrdia.

O senador, que desde que assumiu se preocupou apenas em garantir emprego para parentes e amigos, teve a coragem de postar que “desde quando tomei posse no Senado trabalho para o Governo Federal fazer um presídio no Maranhão para aliviar pedrinhas”.

Diz ainda ser “lamentável ver mais uma fuga em Pedrinhas. Por isso a população não quer presídio no seu município. Mas, em presídios federais não tem isso”.

Lorota, pura mentira. Esse cidadão nunca mexeu uma palha pelo Estado, pelo contrário, tem tentado de todas as formar prejudicar o governo daquele que o elegeu. Mas já que ele diz que se preocupa com o Estado porque não doa um dos terrenos que a família dele grilou para construir um presídio federal?

Traidor – Com a decisão do PSB deixar o governo, surge a perguntinha que não quer calar: Quando o senador Roberto Rocha, o “Asa de Avião”, vai entregar os cargos que ocupa no Governo Federal, através de prepostos que só faz o que ele manda?

Rocha, que traiu o PSB para se manter agarrado com Temer e preservar parentes e amigos dele nas “boquinhas” federais, já ensaia trair mais um, mas não larga o osso. Teria orientado seus aliados a se manterem onde estão.

Com a decisão do PSB deixar o governo, surge a perguntinha que não quer calar: Quando o senador Roberto Rocha, o vai entregar os cargos que ocupa no Governo Federal, através de prepostos que só faz o que ele manda?

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Buscar

Nossa pagina