Logo Blog
aplikasitogel.xyz hasiltogel.xyz paitogel.xyz

Agora é lei: Projeto do deputado Bira torna o dia 28 de agosto em feriado para os bancários do MA

Sancionado pelo poder executivo o projeto de lei de
autoria do deputado estadual Bira do Pindaré (PSB) que institui o dia 28 de
agosto em feriado os bancários do Maranhão. O parlamentar ocupou a tribuna da
Assembleia Legislativa, na manhã desta terça-feira (01), para comemorar a
conquista histórica da categoria.

“Fui presidente do Sindicato dos Bancários, é uma
categoria centenária, presente em quase todos os municípios do Maranhão e uma
categoria que trabalha incessante, a ponto inclusive de ser vítima de várias
doenças ocupacionais”, destacou o socialista.
Bira lembrou que já existe Lei no mesmo sentido em
Estados como a Paraíba e o Piauí. No Maranhão, outras categorias já têm direito
a um dia de folga pelo trabalho que desenvolve na sociedade, é o caso, dentre
outras, dos servidores públicos, comerciários e professores.
“Nada mais justo, correto e importante neste
momento do que o reconhecimento a essa categoria pela sua perseverança, pela
sua luta e pela sua importância junto a comunidade. É uma conquista histórica
para os Bancários no Maranhão, essa lei que lhe garante o Dia Estadual dos
Bancários como feriado bancário”, vibrou ele.
O presidente do Sindicato dos Bancários do Maranhão
(SEEB-MA), José Maria Nascimento, parabenizou a iniciativa do deputado e
ressaltou que o feriado, data alusiva ao dia do bancário, é um reconhecimento à
contribuição que a categoria proporciona ao crescimento do país e, sobretudo,
do Maranhão.
O líder sindical frisou também que a conquista
veio, apesar da pressão, exploração, doenças ocupacionais, assaltos, dentre
outros males, a que são submetidos os bancários diariamente.
Vale ratificar que o próximo dia 28 de agosto será
feriado e, por tanto, nenhum estabelecimento bancário poderá funcionar dentro
do território maranhense.

A História do Dia do Bancário – Por: SEEB-MA

O dia 28 de agosto foi escolhido pela categoria pelo fato de ser uma data
marcante para os bancários de todo o país, já que foi no dia 28 de agosto de
1951 que os bancários de São Paulo decretaram, em assembleia geral, uma greve
de 69 dias, enfrentando a repressão do antigo DOPS e a pressão de outros
sindicatos da categoria por não concordarem com uma contraproposta dos patrões,
considerada como gorjeta, uma vez que os trabalhadores bancários reivindicavam
40% de reajuste, salário mínimo profissional e adicional por tempo de serviço
enquanto os banqueiros excluíram os duas últimas e ofereceram apenas o reajuste
com base nos índices oficiais do custo de vida. Depois de muita luta, no dia 5
de novembro de 1951, a Justiça concedeu um reajuste de 31%, pondo fim à
paralisação.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Buscar

Mais Lidas

PT articula para ter a ex-presidente Dilma suplente de Flávio Dino no Senado
PT e PSB cada vez mais próximos; encontro de Dino, Lula e Gleisi avaliou cenários
Grupo de WhatsApp "Roseana Governadora 2022" sugere que a filha de Sarney será candidata
Brandão mantém preferência e será confirmado como candidato do  grupo Dino
aplikasitogel.xyz hasiltogel.xyz paitogel.xyz