Grupo Sarney tem saudade da corrupção na PM – Jorge Vieira

16 de maio de 2018

Redação: (98) 98205-4499

16/05/2018 -

Jorge Vieira -

0

Grupo Sarney tem saudade da corrupção na PM

O grupo Sarney vem atacando, sistematicamente, as Forças de Segurança do Maranhão. Os temas são os mais variados e estapafúrdios possíveis. Até investidas contra capelães eles estão fazendo. Essas agressões escondem, na verdade, a saudade dos tempos em que a Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros do Maranhão eram verdadeiros antros de corrupção.

O objetivo das investidas sarneyzistas contra o competente comando da Segurança Pública de Flávio Dino ficou notório com a prisão do coronel reformado da PM, Carlos Roberto de Sousa Lima, o coronel Betão, ex-secretário do Gabinete Militar do governo Roseana e uma espécie de faz tudo do clã. Ele foi preso pela Polícia Federal, ontem, no bojo da Operação Círculo de Fogo.

No início de fevereiro, a Polícia Federal já havia prendido o ex-comandante do Corpo de Bombeiros do Maranhão no governo Roseana, o coronel Vanderley, juntamente com um primeiro-tenente bombeiro e um advogado, todos por suspeita de desvio de ao menos R$ 10 milhões dos atingidos pela estiagem, nos anos de 2013 e 2014.

A prisão de figuras de comando das tropas militares do Estado no governo Roseana só confirma o quanto a corrupção estava entranhada durante o regime oligárquico. E ratifica também que os ataques desferidos contra o governo Flávio Dino tem como objetivo criar uma cortina de fumaça para esconder as falcatruas que eram feitas por aqueles que deviam zelar pela ordem do povo maranhense.

No fundo, o grupo Sarney tem saudade da corrupção que acontecia na PMMA e no CBMMA.

1 comment on “Grupo Sarney tem saudade da corrupção na PM”

  1. jose carlos silva disse:

    Mas Jorge, vc não está sendo injusto? Com todos esses militares , inclusive com funções de comando presos por contrabando e outras coisas mais na gestão do Flávio nos podemos dizer que o governo é CORRUPTO? Escreva sobre isso. Obrigado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Buscar

Nossa pagina