Logo Blog
aplikasitogel.xyz hasiltogel.xyz paitogel.xyz

Sucessão: PCdoB defende acordo geral para manter unidade do grupo governista

O fim de semana promete de ser de muita articulação e conversações entre dirigentes de partidos visando a reunião da próxima segunda-feira (29) quando o governador Flávio Dino (PSB) deve anunciar quem entre os quatro pré-candidatos do grupo palaciano terá o seu apoio na sucessão de 2022.

O clima é de muita expectativa, existe pressão pelo adiamento da decisão, mas segundo informações de bastidores o governador está decidido a por um ponto final nessa questão, o que está acelerando os dirigentes de partidos a tomarem posições.

A direção estadual do PCdoB, por exemplo, reuniu na noite desta quinta-feira (25) e definiu posição sobre a sucessão do governador Flávio Dino. Os dirigentes do partido optaram por defender um acordo geral entre as legendas que integram a base de sustentação do governo para manter, segundo mensagem postada nas redes sociais, “o Maranhão unido e no rumo certo”.

“Todo o nosso esforço é em primeiro lugar para garantir a unidade do nosso campo político, mantendo assim a agenda de mudanças que vem sendo implementada pelo governador Flávio Dino. Queremos mais uma vez a união pelo Maranhão”, diz mensagem do PCdoB postada nas redes sociais após a reunião.

Apesar dos esforços dos dirigentes comunistas em manter a unidade do grupo que já chegou a reunir 16 siglas e hoje conta com 12 após o desligamento do PL, PTB, Avante e Patriota, conforme levantamento do blog, o governador tem a  maioria para decidir quem será o represente do grupo na sucessão de 2022.

Um rápido levantamento dar para perceber que o represente do PDT, Weverton Rocha, que dizia reunir a maioria dos apoios interno, na verdade perde na disputa  para o vice-governador Carlos Brandão (PSDB). Dos doze partido que integram a aliança, apenas cinco declaram apoio ao senador, enquanto os demais seguem Flávio Dino/Brandão.

Estão com o projeto de Weverton PDT, Republicano, PP, DEM e Cidadania, enquanto PCdoB, PROS, PSB, PSDB, PTC, Solidariedade e PT devem acompanhar a decisão do governador favorável a Brandão, ou seja, pelo critério de apoios da classe política, Weveton é carta fora do baralho.

Vale o esforço do PCdoB em tentar manter a unidade do grupo que chegou ao poder em 2014, mas é fato que o representante do PDT, que assinou a carta compromisso e agora diz que será candidato com ou sem apoio do governador, voltou a afirmar que seu projeto não tem recuo, o que torna muito difícil o consenso, já que pelo critérios estipulado anunciado pelo governador, o perfil de Brandão é o mais adequado para dar continuidade ao programas e projetos da atual gestão.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Buscar

Mais Lidas

Artigo do governador – São Luís: a capital de todos os maranhenses
Carlos Brandão diz que governo está atento ao crescimento dos casos de Covid-19 no Estado
Camarão desiste oficialmente da pré-candidatura ao governo em carta ao PT
Novo Código Eleitoral será tema de semináro ministrado pelo deputado Rubens Jr.
aplikasitogel.xyz hasiltogel.xyz paitogel.xyz