Logo Blog
aplikasitogel.xyz hasiltogel.xyz paitogel.xyz

PT considera Luís Fernando “persona non grata”

Luís Fernando cumprimentando um eleitor

A proposta
de retirada do Partido dos Trabalhadores do governo Roseana Sarney (PMDB)
começa a extrapolar as fronteiras do Estado. Na última segunda-feira (25), o PT
de Santa Catarina emitiu nota oficial manifestando apoio a luta dos militantes maranhenses
pelo retorno do partido ao campo da oposição ao grupo Sarney e declarando “persona
non grata no PT”, o secretário de Infraestrutura, Luís Fernando Silva (PMDB),
pré-candidato ao governo em 2014.
A briga interna
pela saída do partido do governo promete esquentar ainda mais na próxima
reunião da executiva estadual, quando o tema voltará à ordem do dia. Na última
reunião, com a presença de 15 dos 17 membros, os aliados do vice-governador
Washington Luís Oliveira, que defendem a permanência, tiveram que esvaziar o encontro
para não serem vencidos e terem que entregar os cargos. Abaixo publico a
íntegra da nota do PT catarinense.
Moção sobre o PT Maranhão
 O sistema
político brasileiro, baseado na governabilidade de coalizão, coloca os partidos
de situação em contradições herdados pelos vícios históricos da política
brasileira.
Isso tem
custado para o PT alguns acordos pontuais com resultados políticos nefastos
para alguns estados e para a imagem geral do PT. Um dos estados mais
prejudicados por essa política tem sido o Maranhão, onde o PT nos últimos
pleitos tem sido levado a ser coadjuvante da política do Sarney.
Nas
últimas eleições para governador o PT indicou o vice de Roseane Sarney, contra
a vontade da maioria da base, sob protestos que chegaram até a greve de fome e
que somente que se manteve no partido na condição de “insubordinação combinada”,
ou seja, de petistas poderia fazer campanha para o PC do B.
Agora, se
visualiza a possibilidade da família Sarney filiar no PT seu nome para
concorrer ao governo em 2014, ou seja, usar o PT como legenda de aluguel para
fortalecer a oligarquia Sarney. Isso ultrapassa qualquer limite da
flexibilidade, da tolerância da base partidária e tem limites também do
pragmatismo sobre os princípios políticos e partidários, portanto, a executiva
estadual do PT de Santa Catarina manifesta seu apoio aos militantes resistentes
do PT do Maranhão, a exemplo simbólico do companheiro Manoel da Conceição, e
declaramos como “persona non grata no
PT” o chefe de gabinete da governadora Roseane, senhor Luiz Fernando Silva.
 Florianópolis, 25 de fevereiro de 2013.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Buscar

Mais Lidas

Investigação da PF representa duro golpe nas pretensões de Maranhãozinho para 2022
Presidente do PT garante pré-candidatura de Camarão até o encontro estadual
Partidos começam esvaziar pré-candidatura de Weverton; Cidadania puxa a fila
"É com diálogo que temos fortalecido nossa pré-candidatura", diz Edivaldo
aplikasitogel.xyz hasiltogel.xyz paitogel.xyz