Logo Blog
aplikasitogel.xyz hasiltogel.xyz paitogel.xyz

Hildelis Duarte Júnior: Qualquer coisa para aparecer ou tudo é uma questão de um like

Quando um projeto político viável chega ao Poder, é inevitável que uma penca de oportunistas de toda sorte se acheguem e procurem, a todo custo, pegar uma boquinha. Pessoas que jamais se identificaram ou travaram qualquer luta nas trincheiras. Foi esse o caso do ilustre desconhecido advogado Hildelis Duarte Junior quando Flávio Dino chegou ao poder, em 2014.

Não se sabe por quais critérios o ilustre desconhecido, que jamais havia sequer pedido votos para Flávio Dino ou combatido a elite política dominante de antes, foi galgado a presidente do PROCON, com status de secretaria e com centenas de cargos comissionados para nomear quem bem entendesse. Assim, por lá fez o que bem quis para se promover. Nomeou um exército de funcionários que depois foram seus cabos eleitorais intransigentes.

O impetuoso advogado, que jamais tinha ocupado qualquer cargo público e sem nenhuma experiência, sentiu-se o proprietário e senhor feudal do PROCON. E não foi modesto.

Qualquer ação de mera rotina administrativa, como simples entrega de documentos ou mesmo de segunda via de carteira de identidade, eram motivos para divulgações até a exaustão, com sensacionalismo triunfante, e a imagem do mancebo em primeiro plano, pois afinal, era fruto de sua generosidade para com o povo e este povo precisava admirar seu bem feitor.

Hildelis Duarte Junior abusou tanto da máquina pública do PROCON para promover sua imagem de ilustre desconhecido que estes abusos lhe renderam vários processos na Justiça por improbidade e uma ação de cassação de mandato movida pelo Ministério Público Federal que está correndo no Tribunal Regional Eleitoral.

Mas os abusos cometidos pelo então ilustre desconhecido Hildelis Duarte Junior à frente do PROCON foram-lhe enormemente úteis, pois conseguiu encantar parte do PC do B e, mesmo sem nenhuma identificação com o partido e sua história, nele se filiou e saiu candidato a deputado estadual, passando a rasteira em vários militantes históricos do partido. Conseguiu se eleger com incríveis 65 mil votos.

O PROCON foi um feudo extraordinário para seus objetivos estritamente pessoais, pois além de lhe dá um mandato de deputado, ao deixar a autarquia, conseguiu emplacar sua namorada, Karen Barros, para continuar mandando como antes e se promovendo as custa do órgão.

Ao chegar à Assembleia Legislativa,  Duarte Junior não se fez de rogado e partiu para dar aulas de política e ciência do Direito para todos os deputados que, aos seus olhos não passavam de pura massa ignara da “velha política”.

Como parlamentar, Duarte passou a mirar de olhos bem arregalados para o Palácio La Ravardiere e para isso havia a necessidade de ser o mais iluminado deputado que o Maranhão já teve.

Estreou na Assembleia Legislativa desqualificando um dos deputados mais antigos e respeitáveis da Casa, o Prof. César Pires. Notabilizou-se como um dedicado plagiário de projetos de leis de outros colegas deputados. A lista é extensa.

O noviço deputado Hildelis Duarte Junior plagiou projetos do deputado Zé Gentil, Neto Evangelista, Cesar Pires, Adelmo Soares, Welington do Curso… O importante é se apropriar dos projetos dos deputados iletrados e faturar para turbinar seu projeto pessoal rumo à prefeitura da Ilha.

Em matéria de plágio de projetos de leis, Hildelis Duarte Junior é democrático: se apropria de projetos tanto de deputados da base do governo quanto da oposição. E com isso fatura e divulga suas “ações” exaustivamente em suas redes nas quais aparece como um verdadeiro Sólon, o Legislador grego.

A atuação espalhafatosa, tresloucada e desleal de Hildelis Duarte Junior na Assembleia Legislativa o transformou em celebridade e lhe rendeu a proeza nunca antes conseguida por nenhum deputado na História do Parlamento Timbira: uma nota de repúdio assinada por nada menos que dois terços dos membros da Casa.

Nunca antes na História do Parlamento maranhense se viu algo parecido, nem mesmo nos tempos do vitorinismo.

Em breve voltaremos ao tema do deputado iluminado e comunista de ocasião.

1 Comentário

  1. David Reis disse:

    Não adianta desclassifica, em seu período com presidente do Procon fez pelas pessoas o que nunca ninguém fez antes na história do Maranhão, vc não sabe como era no interior das cidades ter que tirar um documento, como deputado ele faz uma coisa que é raro no legislativo, sempre atento a sua base, cadê quem diz que o deputado Hildelis Duarte Junior se elegeu e sumiu? Cadê, ninguém isso, pelo contrário ele apareceu foi mais.

    Não é porque um novato está ocupando um pequeno espaço no poder legislativo, o mundo vai se acabar, aceita que dói mesmo raposa velha.

Deixe o seu comentário!

Buscar

Mais Lidas

Edivaldo reúne com PSD para traçar estratégia da pré-campanha
PT repete sua trajetória de rachas em eleições majoritárias no Maranhão
Rubens Jr destaca mudanças na Câmara Federal com novo Regimento Interno
Edivaldo consolida pré-candidatura e intensifica conversações com lideranças
aplikasitogel.xyz hasiltogel.xyz paitogel.xyz