Logo Blog
aplikasitogel.xyz hasiltogel.xyz paitogel.xyz

Fake news contra Edivaldo deve servir de alerta à Justiça Eleitoral

Fake news foram o assunto que dominou as eleições presidenciais em 2018. Tanto que o tema foi “pano de fundo” no ajuizamento de ações de investigação judicial eleitoral no Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Marcado pelo uso excessivo das redes sociais e das plataformas de mensagens na distribuição de conteúdos, naquele ano houve uma enxurrada de notícias falsas que evidenciaram o tamanho do problema para as eleições futuras.

Na eleição municipal de 2020 em São Luís o que se viu também foi outra enxurrada de notícias falsas inundar as redes sociais e até emissoras de rádio, como a que plantaram  através de uma emissora local, bastante repercutida nos blogs apoiadores de determinado candidato, sobre uma suposta desistência do então candidato a prefeito de São Luis, deputado federal Rubens Junior (PCdoB), algo que nunca teria sido ventilado pelo candidato.

Faço esta lembrança para alertar a Justiça Eleitoral sobre criminosos pago para plantar fake news, como a que ocorreu esta semana com o pré-candidato ao Governo do Estado, Edivaldo Holanda Junior (PSD), quando bandidos, não se sabe a serviço de quem, invadiram o WhatsApp do ex-prefeito de São Luís e plantaram mensagem como se ele tivesse admitindo a possibilidade de desistir da correr ao governo para ser candidato ao Senado.

A falsa informação, suspeitam aliados do ex-prefeito, teria como principal finalidade colocar dúvidas nas lideranças do interior do maranhense afinadas com a pré-candidatura. “Nosso candidato está incomodando pelo potencial eleitoral que possui”, arriscou o deputado César Pires.

A consolidação da pré-candidatura de Edivaldo Holanda Junior, pelo visto, incomoda. Bem avaliado nas pesquisas de opinião pública, com potencial para crescer e chegar ao segundo turno, o ex-prefeito da capital foi a primeira vítima e  teve que vir a público alertar seus apoiadores sobre a ação dos bandidos e reafirmar que seu projeto de correr ao Palácio dos Leões é pra valer.

Além de denunciar e anunciar que está tomando providências para descobrir quem foram os invasores do seu WhatsApp, o ex-prefeito postou seguinte mensagem: “Em tempo, a respeito das falsas mensagens publicadas, reafirmo minha pré-candidatura ao Governo do Maranhão nas eleições deste ano, como venho apresentando para as lideranças e a população do meu Estado”.

O caso serve de alerta à Justiça Eleitoral sobre tudo que vem pela frente. Se na pré-campanha já estão espalhando informações falsas com a finalidade de prejudicar pré-candidato em processo de conversações com lideranças da capital e interior do estado, imagine o que poderá acontecer durante a campanha para o Governo do Estado que promete ser uma das mais disputadas da história do Maranhão.

Todo cuidado com essa gente que quer chegar ao poder a qualquer custo, é pouco.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Buscar

Mais Lidas

Camarão desiste oficialmente da pré-candidatura ao governo em carta ao PT
Carlos Brandão diz que governo está atento ao crescimento dos casos de Covid-19 no Estado
Morre o repórter Tony Castro
PTB troca de comando no Maranhão; Josivaldo JP assume a presidência em lugar de Mical
aplikasitogel.xyz hasiltogel.xyz paitogel.xyz