Logo Blog
aplikasitogel.xyz hasiltogel.xyz paitogel.xyz

Abertura da janela partidária movimenta bastidores da sucessão estadual

A partir desta quinta-feira (3), até o dia 2 de abril, os parlamentares que desejarem mudar de legenda para disputar as eleições deste ano estarão livres para buscarem novos partidos sem risco de perder o mandato. E tudo indica que um expressivo número de parlamentares deve trocar de sigla, a exemplo do presidente da Assembleia Legislativa do Estado, deputado Othelino Neto, que vai deixar o PCdoB para se filiar ao PDT, que tem como pré-candidato ao governo o senador Weveton Rocha.

A janela partidária, instrumento pelo qual a justiça eleitoral permite que o deputado insatisfeito com seu partido possa mudar sem sofrer qualquer tipo de penalidade, vai proporcionar um reajuste no quadro partidário, com influência direta na composição das nominatas para a disputa da eleição proporcional. Os parlamentares terão ate o dia 2 de abril para tomarem suas decisões, mas alguns devem aproveitar logo o primeiro momento para ingressarem em seus novos partidos, como é o caso do deputado estadual César Pires que está trocando o PV pelo PSD. Pires é um dos principais articuladores da pré-candidatura ao governo do ex-prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Junior.

As atenções neste mês de março estarão voltadas para as mudanças que acontecerão, principalmente, no plenário da Assembleia Legislativa onde especula-se que o deputado Wendel Lages está deixando o PMN para se filiar ao PDT e do deputado Rafael que está de saída do PDT e deve ingressar no PSB, partido que terá como candidato ao Governo do Estado a vice-governador Carlos Brandão, que já tem data marcada para deixar o PSDB e assinar ficha de filiação ao PSB. Existe ainda a possibilidade da deputada Betel Gomes trocar o PRTB pelo PP, do deputado federal André Fufuca, que deve anunciar apoio a Carlos Brandão nos próximos dias.

O partido Republicano deverá perder os deputados Ariston Ribeiro e Fábio Macedo para o PSB. “Estamos esperando a abertura de janela para mudar de legenda e nosso caminho deve ser o PSB, pois apoiamos a candidatura de Carlos Brandão. Outros parlamentares também deverão se juntar a nós no Partido Socialista Brasileiro”, disse Ariston.

No plano federal, existe perspectiva de mudança do deputado federal Rubens Júnior. Ele deve convocar uma entrevista coletiva, provavelmente nesta quinta-feira (3), para anunciar desfiliação ao PCdoB. O parlamentares disse ao blog que recebeu convite de vários partidos, inclusive do União Brasil, mas que ainda não definiu por qual legenda vai concorrer a reeleição. Pelo que deixou transparecer, tudo indica que está deixando a legenda comunista, mas buscará uma sigla que esteja aliada ao vice-governador Carlos Brandão.

Existe ainda o caso do senador Roberto Rocha, que permanece filiado ao PSDB, mas enfrenta dificuldade para encontrar um abrigo por onde possa disputar o pleito de outubro próximo. Existe, no entanto, a opção do PTB, legenda da base do governo Bolsonaro. O senador ainda não definiu se será candidato a reeleição ou tentará o governo, porém, deve se juntar a um partido da base de sustentação do governo federal, de  quem se transformou num fiel escudeiro desde que se afastou do governo de Flávio Dino (PSB).

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Buscar

Mais Lidas

Desempenho pífio de Roseana Sarney afunda o MDB no Maranhão
Weverton Rocha tem derrota humilhante; campanha ostentação não vingou
Edivaldo em segundo lugar na disputa para o Governo do Maranhão, aponta pesquisa Percent
Núbia Dutra é vítima de Fake News; candidatura de deputada federal já foi deferida
aplikasitogel.xyz hasiltogel.xyz paitogel.xyz