13 de abril de 2018

Redação: (98) 98205-4499

13/04/2018 -

Jorge Vieira -

0

Sarneyzada tenta fabricar um novo “Reis Pacheco”

A Secretaria de Saúde do Estado divulgou na noite desta quinta-feira (12) nota de esclarecimento sobre a tentativa de criação de um novo “caso Reis Pacheco”, considerado o avô do fake news, às véspera de iniciar a campanha eleitoral que vai eleger governador, dois senadores, dezoito deputados federais e 42 deputado estaduais. Antes que a notícia falsa, que tenta associar a morte do médico Mariano de Castro e Silva a problemas enfrentados por ele na operação “Pegadores”, a SES se manifestou sobre mais essa tentativa de associar o Governo do Estado com a morte do médico.

Nota de Esclarecimento

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) lamenta a trágica perda do médico Mariano de Castro e Silva, e se solidariza aos familiares e amigos deste profissional.

A Secretaria lamenta, ainda, que o médico Mariano de Castro e Silva seja mais uma vítima do período absolutamente autoritário que vive o Brasil, com restrição de direitos, presunção de culpa e ofensa a preceitos fundamentais da nossa Constituição.

Neste momento delicado, a SES reforça seu papel de defesa irrestrita do sistema de justiça, no combate a todo e qualquer tipo de arbitrariedade.

A SES também repudia a postura adotada por alguns blogueiros maranhenses, que nesta hora de profunda dor, onde se exige o mínimo de humanidade e compaixão, produzem conteúdo sem o mínimo de ética e respeito.

 

1 comment on “Sarneyzada tenta fabricar um novo “Reis Pacheco””

  1. jose carlos silva disse:

    Jorge, aquela Carta publicada em alguns blogs tem fundamento? vc que é um homem sério faça uma investigação. Bom dia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

RADIO

Rádio Timbira Ao Vivo

Buscar

Nossa pagina