30 de Maio de 2015

Redação: (98) 98205-4499

30/05/2015 -

Jorge Vieira -

Comente

Policiais envolvidos em homicídio em Vitória do Mearim são presos e autuados em flagrante

Os policiais militares envolvidos no fato que culminou na morte do homem
suspeito de praticar assalto, na tarde de quinta-feira (28), no município de
Vitória do Mearim, foram presos e autuados em flagrante pela Delegacia de
Homicídios em São Luís, e responderão pelo crime de homicídio qualificado. O
principal suspeito de cometer o crime, o vigilante identificado por Luiz
Carlos, funcionário do município de Vitória do Mearim, que teria executado um
dos assaltantes com dois tiros após perseguição policial, encontra-se foragido,
mas as diligências realizadas pelas Polícias Civil e Militar continuam, com o
objetivo de prendê-lo.    
Segundo o coronel Marco Antônio Alves, comandante Geral da Polícia
Militar do Maranhão, os militares presos, o sargento Miguel e o soldado Gomes,
que atuavam na Companhia Independente de Viana, afirmaram durante depoimento
que após o assalto a polícia teria sido acionada e começou então uma
perseguição, onde um dos suspeitos de praticar o assalto, identificado como
Irinaldo Batalha, 35 anos, teria revidado, dando início a uma troca de tiros.
Ele explicou ainda que os policiais relataram que o vigia Luíz Carlos estava na
viatura acompanhando a ação. “Os militares disseram que o vigilante era uma
pessoa conhecida na cidade e sempre dava apoio à polícia, sendo funcionário do
município. Ele teria sido levado para trazer a motocicleta após a prisão dos
suspeitos e quando o garupa foi atingido e veio ao solo ele teria sido
designado para permanecer no local e fazer a segurança da área, uma vez que a
perseguição continuou”, declarou.
De acordo com o comandante da PM, os policiais relataram ainda que o
outro suspeito que seguia na motocicleta em direção ao município de Viana, foi
alvejado com um tiro no pé e autuado em flagrante por roubo. O coronel Marco
Antônio Alves explicou que após a polícia ter acesso às imagens que mostram a
execução de Irinaldo Batalha e a consequente identificação do vigilante Luiz
Carlos, as buscas para realizar sua prisão foram intensificadas, uma vez que o
mesmo encontra-se foragido. “Os militares receberam ordens para se apresentarem
no Comando Geral da PM, e assim o fizeram na noite desta sexta-feira (29), onde
foi instaurado um processo administrativo para investigar a participação dos
policiais no homicídio, além de terem sido autuados em flagrante pela Delegacia
de Homicídios pelo crime de homicídio qualificado”, disse ele.
O Comando Geral da PM informou que as primeiras informações deram conta
de que o suspeito de praticar o assalto, morto durante a ação policial,
Irinaldo Batalha, era usuário de drogas e natural da cidade de Arari. Seu
comparsa o piloto da moto, encontra-se preso na delegacia de Vitória do Mearim.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rádio Timbira Ao Vivo

Buscar

Nossa pagina