6 de julho de 2011

Redação: (98) 98205-4499

06/07/2011 -

Jorge Vieira -

Comente

Planalto discute com PR saída de ministro dos Transportes

MÁRCIO FALCÃO
ANA FLOR
DE BRASÍLIA
O Planalto já começou a se movimentar para substituir o ministro Alfredo Nascimento (Transportes).
A situação do ministro ficou mais complicada nesta quarta-feira com novas denúncias de desvios envolvendo seus familiares e auxiliares.
A ministra Ideli Salvatti (Relações Institucionais) se encontra na tarde de hoje com senadores do PR. Segundo pessoas próximas ao senador Blairo Maggi (PR-MT), uma das lideranças do partido, a reunião é para avaliar se Nascimento sai ou fica no ministério e discutir o “futuro”.
Nomes para substituí-lo já começaram a ser aventados dentro do governo e no próprio PR.
Apesar da movimentação, o líder do PR na Câmara, Lincoln Portela (MG), nega que a saída já tenha sido definida.
Em almoço hoje com deputados do PR, partido que controla o ministério, Ideli recomendou, em nome da presidente Dilma Rousseff, que Nascimento compareça amanhã ao Congresso, antecipando seus esclarecimentos.
Ideli deve também conversar hoje com o senador João Pedro (PT-AM), suplente de Nascimento. Ele é próximo do ex-presidente Lula e conta com a simpatia de Dilma.
SUSPEITAS
Reportagem da revista “Veja” mostrou um suposto esquema de corrupção no Ministério dos Transportes, no Dnit e na Valec, que inclui superfaturamento de obras e recebimento de propina que beneficiaria o PR. O partido controla a pasta desde o governo de Luiz Inácio Lula da Silva e é um dos principais aliados do governo.
No sábado (2), com a divulgação das suspeitas pela revista, quatro integrantes da cúpula do ministério foram afastados por determinação de Dilma. Apesar das acusações, Dilma decidiu manter Nascimento no cargo e incumbiu ele de comandar as investigações na pasta.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rádio Timbira Ao Vivo

Buscar

Nossa pagina