16 de janeiro de 2019

Redação: (98) 98205-4499

16/01/2019

Jorge Vieira

Comente

16/01/2019 -

Jorge Vieira -

Comente

A chapa Humberto Coutinho lançou oficialmente, nesta tarde de quarta-feira (16), durante reunião no Hotel Rio Poty Hotel,  a candidatura do prefeito de Igarapé Grande, Erlânio Xavier (PDT), à presidência da Federação dos Municípios do Maranhão (Famem). Antes de reunir os chefes de Executivos municipais, Erlânio concedeu coletiva na qual reafirmou o não cumprimento do […]

A chapa Humberto Coutinho lançou oficialmente, nesta tarde de quarta-feira (16), durante reunião no Hotel Rio Poty Hotel,  a candidatura do prefeito de Igarapé Grande, Erlânio Xavier (PDT), à presidência da Federação dos Municípios do Maranhão (Famem). Antes de reunir os chefes de Executivos municipais, Erlânio concedeu coletiva na qual reafirmou o não cumprimento do acordo no qual  o atual presidente da Famem, Cleomar Tema, se comprometeu com o grupo que o elegeu não disputar a reeleição.

Ao lado dos prefeitos Juran Carvalho (Presidente Dutra), Erick Costa (Barra do Corda) e Carla Batista (Vila Nova dos Martírios), Erlânio reafirmou sua candidatura e adiantou que a chapa está aberta para conversações, inclusive com Tema, caso ele resolva declinar da candidatura e cumpra o acordo firmado na presença de um grupo de prefeitos de não disputar a reeleição. A reunião que deliberou pelo apoio a Cleomar Tema na última eleição foi confirmada pelos prefeitos  Erick e Juran, que estavam presentes.

O candidato da chapa Humberto Coutinho, ao ser questionado sobre o apoio do Palácio dos Leões, deixou claro que em nenhum momento o governador tentou interferir na sucessão da entidade, até porque os dois candidatos são aliados do Governo Flávio Dino.

Como candidato a presidente da Famem, Erlânio defendeu transparência na aplicação dos recursos, assim como anunciou uma série de propostas que pretende colocar em prática na direção da Federação dos Municípios. “Os associados precisam saber como os recursos arrecadados são investidos e benefício dos gestores municipais”, defendeu.

Entre as prioridades do seu plano de administrativo consta a construção da sede própria em terreno já doado pelo Governo do Estado, criação de subsede na região tocantina e reativar a Escola de Gestão Municipal que encontram com suas atividades paralisadas. O ex-presidente da Famem, Gil Cutrim, antecessor de Tema, lamentou o fechamento da Escola de Gestão a parabenizou  Erlânio pela iniciativa de reativá-la.

Leia Mais

16/01/2019

Jorge Vieira

Comente

16/01/2019 -

Jorge Vieira -

Comente

Atendendo solicitação do Ministério Público Federal (MPF) no Maranhão, a Justiça Federal a condenou a ex-prefeita do município de Paraibano (MA), Maria Aparecida Queiroz Furtado, e o ex-tesoureiro do município, José Ubiratan Lima Ferro Filho, por conta de irregularidades na aplicação de recursos do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização […]

Ex-prefeita de Paraibano, Aparecida Furtado foi condenada por improbidade

Atendendo solicitação do Ministério Público Federal (MPF) no Maranhão, a Justiça Federal a condenou a ex-prefeita do município de Paraibano (MA), Maria Aparecida Queiroz Furtado, e o ex-tesoureiro do município, José Ubiratan Lima Ferro Filho, por conta de irregularidades na aplicação de recursos do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb) em 2008.

O MPF destaca que, enquanto gestores do município, transferiram da conta-corrente do Fundeb para outras contas-correntes do mesmo município, a importância de R$ 280.270,01, referentes a oito cheques assinados por eles, nominais à prefeitura. Essas transações aconteceram nos últimos dias de 2008, próximo ao fim do mandato de Maria Aparecida Queiroz Furtado.

Diante disso, a Justiça Federal determinou que Maria Aparecida Queiroz Furtado, e José Ubiratan Lima Ferro Filho tenham os direitos políticos suspensos pelo prazo de cinco anos e sejaproibidode contratar com o Poder Público ou receber benefícios fiscais ou creditícios, direta ou indiretamente, pelo prazo de três anos. Devem ainda pagar multa civil no valor de R$5.000,00. 

Leia Mais

16/01/2019

Jorge Vieira

Comente

16/01/2019 -

Jorge Vieira -

Comente

Em contraponto ao decreto assinado por Jair Bolsonaro na última terça-feira (15), que facilita a posse de armas de fogo, o deputado federal Rubens Pereira Jr (PCdoB-MA) afirmou que prefere o caminho escolhido pelo governador do Maranhão, Flávio Dino. “Ao invés de liberar armas para ‘todo mundo’, a prioridade é desarmar os bandidos”, disse. O […]

Em contraponto ao decreto assinado por Jair Bolsonaro na última terça-feira (15), que facilita a posse de armas de fogo, o deputado federal Rubens Pereira Jr (PCdoB-MA) afirmou que prefere o caminho escolhido pelo governador do Maranhão, Flávio Dino. “Ao invés de liberar armas para ‘todo mundo’, a prioridade é desarmar os bandidos”, disse.

O parlamentar referiu-se à uma Medida Provisória, assinada em 2016 pelo governador, que premia policiais civis e militares do Estado do Maranhão por apreensão de armas de fogo. A iniciativa faz parte do Programa Pacto Pela Paz, que tem como objetivo a difusão de práticas para a redução da violência e a afirmação de uma cultura de respeito às leis e aos direitos humanos.

“A premiação estimula a polícia maranhense ao combate à criminalidade, sobretudo no quesito desarmamento. Cada arma de fogo capturada por policial militar ou civil rende ganho extra ao agente de segurança pública”, destacou o deputado do Maranhão.

O valor por apreensão varia entre de R$ 300 a R$ 1.500, levando em consideração o potencial lesivo da arma e as circunstâncias em que ela foi apreendida. Armas de fogo curtas, como .38, por exemplo, possibilitam premiação no valor de R$ 300; pistolas .380 chegam a R$ 500; armas .40, de calibre superior ao doze ou armas de fogo dissimuladas, R$ 800; fuzis automáticos, semiautomáticos e metralhadoras ou explosivos de uso exclusivo das Forças Armadas e de Segurança Pública, a premiação é de R$ 1.500 por arma.

“Outra premiação – com frequência anual – foi estabelecida para os policiais que tiverem maior recorrência de apreensões: são R$ 20 mil para cada um dos três melhor ranqueados”, complementou Rubens Jr.

Ao longo de 2016 foram apreendidas 753 armas de fogo no Maranhão. Em 2017, o número mais que dobrou, chegando a um total de 1.762 armas tiradas das mãos de bandidos. Desse total, 338 foram apreendidas pela Polícia Civil; e 1.458 mil, pela Militar. Os números de 2018 ainda não foram divulgados.

Pacto pela Paz – O Governo do Maranhão tem se empenhado desde 2015 na reestruturação do sistema de segurança pública e um dos passos foi a implantação do Pacto pela Paz, que abriu espaço para participação popular no planejamento das ações de combate à criminalidade. O Pacto pela Paz desenvolve ações de promoção do bem-estar da população através da efetivação de uma polícia de proximidade e tem como objetivo o fomento à cultura da paz social, dos direitos humanos e do respeito às leis.

Enquanto a criminalidade cresce no País, o Estado reduziu os homicídios em 62% na Grande São Luís, em comparação com 2014. O Estado chegou à marca recorde de 15 mil policiais. Nove mil profissionais foram promovidos. Mais de mil viaturas foram entregues.

Leia Mais

16/01/2019

Jorge Vieira

Comente

16/01/2019 -

Jorge Vieira -

Comente

Nesta quarta-feira (16), em entrevista ao vivo na Globo News, o governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), mandou uma indireta ao ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro. Ao ser perguntado sobre o que acha da inclusão de ações criminosas como os recentes ataques no Ceará na Lei Antiterrorismo (medida apoiada por Sérgio Moro), […]

Nesta quarta-feira (16), em entrevista ao vivo na Globo News, o governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), mandou uma indireta ao ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro.

Ao ser perguntado sobre o que acha da inclusão de ações criminosas como os recentes ataques no Ceará na Lei Antiterrorismo (medida apoiada por Sérgio Moro), Dino rechaçou a possibilidade de que alterações nas leis devam garantir redução nos índices de criminalidade e criticou o “populismo” por trás disso.

“Não podemos praticar um certo populismo achando que apenas mudar as leis vai garantir a redução da criminalidade. Em vez de cuidar de populismos ou demagogias, coisas puramente retóricas, simbólicas é preciso cuidar dos problemas reais”, disparou.

“Nenhum criminoso faz conta de pena antes de praticar um crime. Ele não vai consultar o Código Penal pra saber a capitulação da sua conduta e calcular a sua pena”, completou o governador.

Para Flávio Dino, a questão central da segurança pública no Brasil é a gestão do setor. Ele aposta no incremento da Guarda Nacional para ajudar os Estados em momentos de crise – aos moldes do sistema adotado em países como os Estados Unidos e o Canadá – e o enxugamento de gastos com as Forças Armadas, que, na avaliação do governador, não tem treinamento técnico para “praticar atos de polícia”.

Dino elencou como prioridade ações em defesa das fronteiras nacionais e elogiou o Sistema Único de Segurança Pública, criado pelo ex-ministro da Justiça, Raul Jungmann.

“Uma escola é mais eficaz” – Assim como Sérgio Moro, Dino também é ex-juiz federal – o governador maranhense passou em primeiro lugar no mesmo concurso em que Moro foi aprovado -, mas ao contrário do ex-titular da Lava Jato, que é defensor do endurecimento das penas, Dino já chegou a afirmar que “uma escola é mais eficaz do que direito penal do terror”.

Leia Mais

16/01/2019

Jorge Vieira

Comente

16/01/2019 -

Jorge Vieira -

Comente

A tentativa do grupo ligado ao senador João Alberto passar para a população de que o clima no MDB é de unidade e que tudo já estaria resolvido com a ascensão do deputado João Marcelo à presidência estadual do partido, tendo como vice seu companheiro de bancada Hildo Rocha, foi desmascarada nesta quarta-feira (16) pelo […]

João Alberto e Hildo Rocha lutam pelo comando do MDB no Estado

A tentativa do grupo ligado ao senador João Alberto passar para a população de que o clima no MDB é de unidade e que tudo já estaria resolvido com a ascensão do deputado João Marcelo à presidência estadual do partido, tendo como vice seu companheiro de bancada Hildo Rocha, foi desmascarada nesta quarta-feira (16) pelo próprio Hildo ao negar existência de acordo e confirmar sua candidatura a presidente da legenda.

Segundo o deputado Hildo Rocha declarou ao blog Minuto Barra,  “Não existe acordo. Sou candidato à presidência do diretório regional do MDB maranhense. As informações divulgadas por alguns blogs é fantasiosa”, afirmou o parlamentar, que trava com o senador João Alberto um verdadeira queda de braço pelo comando da legenda no Estado.

Rocha, inclusive, rechaçou qualquer possibilidade de compor como vice de João Marcelo. “Essa possibilidade nunca chegou a ser cogitada. Quando estivemos reunidos para tratar sobre a eleição, o deputado João Marcelo foi taxativo ao dizer que não pretende concorrer porque, no seu entendimento, caso ele sucedesse o seu pai, o Senador João Alberto, ficaria parecendo continuidade da atual gestão. João Marcelo chegou a afirmar que o MDB não é capitania hereditária. Portanto, a informação é fantasiosa, totalmente mentirosa”, observou o parlamentar.

Quando o partido tinha o comando do Estado, Roseana ou seu pai, o velho cacique José Sarney, davam um murro na mesa se nomeavam ou indicavam um preposto para presidir a legenda robusta de prefeitos, deputados e lideranças políticas, sem o controle do Palácio dos Leões perdeu força, definhou e saiu das urnas em 2018 como legenda nanica, com seus líderes desmoralizados e sem moral para pacificar o ambiente tumultuado.

Leia Mais

16/01/2019

Jorge Vieira

Comente

16/01/2019 -

Jorge Vieira -

Comente

Um grupo estimado em torno de 150 prefeitos vai reunir hoje, às 17h, no Rio Poty Hotel, para declarar apoio à Chapa Humberto Coutinho liderada pelo prefeito de Igarapé Grande, Erlânio Xavier (PDT) na eleição para presidente da Federação dos Municípios do Maranhão. O pleito, que está marcado para o dia 30 de janeiro, entrou […]

candidato Erânio Xavier comandará reunião de prefeitos hoje no Rio Poty

Um grupo estimado em torno de 150 prefeitos vai reunir hoje, às 17h, no Rio Poty Hotel, para declarar apoio à Chapa Humberto Coutinho liderada pelo prefeito de Igarapé Grande, Erlânio Xavier (PDT) na eleição para presidente da Federação dos Municípios do Maranhão. O pleito, que está marcado para o dia 30 de janeiro, entrou em sua reta final sem que os dois grupos que disputam o comando da entidade cheguem a um acordo e tudo indica que haverá confronto entre as chapas se o atual presidente Cleomar Tema (PSB) mantiver a candidatura.

Como os dois pretendente pertencem ao grupo que apoio o governo,  o governador Flávio Dino já anunciou que não se envolverá na eleição da entidade que congrega os prefeitos do Maranhão. O prefeito de Tuntum até chegou a publicar uma foto com o governador, mas logo ficou esclarecido que tratava-se de uma fotografia da eleição passada.

Erlânio e seu grupo político ainda tentam convencer Tema a cumprir o acordo de não disputar a reeleição, mas o mesmo continua irredutível e, segundo comentam nos bastidores da eleição, somente aceitaria compor sendo ele o candidato a presidente, com o que o prefeito de Igarapé Grande não aceita e mostra que tem o apoio da maioria para se eleger.

Conforme o blog já informou em post passados, Cleomar Tema, na última eleição compôs uma grande frente e prometeu que não disputaria a reeleição, mas quando foram lhe procurar para cumprir o acordo, mudou o tom da conversa e anunciou que será candidato, embora não disponha das condições necessárias para permanecer no cargo.

Leia Mais

15/01/2019

Jorge Vieira

Comente

15/01/2019 -

Jorge Vieira -

Comente

A Rota das Emoções está mais rápida e mais fácil do que nunca. Primeiro, foi a ponte sobre o Rio Novo, em Paulino Neves, entregue em 2017. Agora, nesta terça-feira (15), o governador Flávio Dino entregou a MA-315, rodovia que liga o município até Barreirinhas. A Rota das Emoções inclui os estados do Maranhão, Piauí […]

  • Governador entrega estrada entre Barreirinhas e Paulino Neves. (Foto: Nael Reis)

A Rota das Emoções está mais rápida e mais fácil do que nunca. Primeiro, foi a ponte sobre o Rio Novo, em Paulino Neves, entregue em 2017. Agora, nesta terça-feira (15), o governador Flávio Dino entregou a MA-315, rodovia que liga o município até Barreirinhas.

A Rota das Emoções inclui os estados do Maranhão, Piauí e Ceará, num trajeto cheio de belezas naturais. Quem vinha do Ceará e do Piauí tinha dificuldade de fazer o trecho entre Paulino Neves e Barreirinhas, que era tomado pela areia. Isso afastava turistas. Agora toda a região está integrada à rota do turismo brasileiro.

São 38 quilômetros de asfalto e bloquetes, que respeitam os aspectos naturais da região. Por isso, é a primeira ecorodovia do Maranhão.

“Queremos que essa estrada e a ponte sejam o ponto de partida de um ciclo de desenvolvimento para toda a região dos Lençóis Maranhenses, para que as cidades estejam integradas àquilo que Barreirinhas já vivencia, que é a presença de milhares de turistas todos os anos”, afirmou o governador Flávio Dino. “Isso vai gerar mais emprego e renda”, completou.

Flávio acrescentou que “estamos colocando Paulino Neves na rota do Brasil. Às vezes demora um tempo para entender isso. Paulino Neves antes fazia parte da rota do Maranhão. Hoje, com a ponte e a estrada, faz parte da rota turística do Brasil”.

O governador lembrou que a estrada é também o resultado da parceria do poder público com o setor privado. A Ômega Energia trabalhou com o Governo na implantação do calçamento de cerca de 10 km no perímetro urbano entre os povoados.

Muito mais rápido

Sem a estrada e sem a ponte, percorrer o trecho entre Barreirinhas e Paulino Neves com carro sem tração exigia uma grande volta, de aproximadamente 3 horas e meia. Agora, o percurso pode ser feito em meia hora.

Um dos que passaram a economizar tempo e dinheiro foi Bernardo Marques, morador de Passagem Grande. De acordo com ele, antes levava mais de uma hora para chegar à sede de Paulino Neves. Agora, são 20 minutos: “Era areia brava. Aí começou a melhorar e ficou 100%”.

“Alavancou o turismo, e todo o comércio melhorou. A estrada foi um marco importante. Era muito difícil ir para Barreirinhas, tinha que ir pelas dunas, pela areia. Hoje vai de carro, de moto, de bicicleta”, disse Emanuel de Jesus, morador de Paulino Neves.

“A ponte liga essa região, que é de grande importância para toda a população desses povoados”, afirmou o prefeito de Paulino Neves, Roberto Maues.

Títulos de propriedade de terra

Em Paulino Neves, o Governo do Maranhão também entregou um sistema de água no povoado Jussara, além de certificados do Curso de Bombeiro Hidráulico e títulos de propriedade. Com os títulos, os moradores passaram a ter garantia da posse das terras.

“Foi um sonho alcançado. Esperamos a vida toda pela documentação para chamar essa terra de nossa. A partir de agora posso dizer que novas portas se abrem para que a gente possa produzir mais com melhor qualidade”, comentou o agricultor Raimundo Cabral, do povoado Buriti.

“Hoje Paulino Neves vivencia uma realidade muito diferente e muito melhor que quatro anos atrás”, declarou Flávio Dino.

Povoado Jussara recebe Escola Digna

Ainda em Paulino Neves, foi entregue o novo prédio escolar da Escola Municipal Francisco Xavier, no povoado Jussara. Inauguração que marca o início das entregas de Escolas Dignas para o ano de 2019.

“Iniciamos 2019 com o pé direito, esta é a terceira escola entregue pelo Governo Flávio Dino em Paulino Neves, e é sempre uma emoção diferente. A escola que antes era um barracão, hoje é una escola digna e adequada. Uma emoção ver nos professores e estudantes a alegria em estudar em uma belíssima escola e que certamente irá ajudar, junto às formações, que promoveremos em parceria com a Prefeitura Municipal, é a educação um dos grandes fatores de desenvolvimento do nosso estado”, afirmou o secretário de Estado da Educação, Felipe Camarão.

A nova unidade escolar chega para atender as necessidades de professores e estudantes que há anos esperavam por uma estrutura confortável e digna para as aulas e atividades escolares.

Como é o caso da pequena Ariane Silva, 8 anos, estudante o 5º ano do Ensino Fundamental. Ela conta que a antiga estrutura, improvisada, em que assistiam aulas era precária e com péssimas condições de acomodação.

“A gente estudava em um barracão, era quente e quando chovia tinha muita goteira”, lembrou a menina.

Ariane adora leitura e agora, com a nova estrutura, acredita que as instalações confortáveis da Escola Municipal Francisco Xavier proporcionarão melhores condições de estudo e a ajudarão a realizar o sonho de ser escritora.

“Estou feliz, eu gosto muito de ler e escrever e agora sinto que posso seguir com meu sonho”, argumentou Ariane.

A dona de casa Maria Helena Diniz Silva, mãe de Ariane, também comemora a nova escola. Ela que é mãe de cinco filhos, entende que com a nova escola os filhos terão mais condições de aprender e melhorar sua qualidade de vida. Segundo ela o fato da escola ser dentro do povoado e ainda mais próxima de casa, traz também um sentimento de segurança para deixar as crianças.

“Essa nova escola está muito bonita. Minha filha Ariane gosta muito de estudar, gosta de ler e agora eu vejo que ela vai poder colocar os sonhos dela mais ‘pra’ frente. Estou muito feliz”, afirmou Maria Helena.

A nova escola substituirá a escola antiga que funcionava em um barracão de madeira, coberto com palha. Com a nova construção, a comunidade do povoado Jussara conta agora com um prédio com: 2 salas de aula, banheiros masculino e feminino adaptados, cozinha e diretoria.

A Escola Digna funcionará nos turnos matutino e vespertino, beneficiando cerca de 100 estudantes da Educação Infantil e Ensino Fundamental I, do povoado Jussara e dos povoados vizinhos: Contendas I, Porto da Mata, Piquizeiro e Alegre.

Para o gestor geral da Escola Municipal, Osenildo Sousa Feitosa, a nova estrutura traz melhorias não só em termos de conforto, mas também para o ensino aprendizagem dos estudantes, já que agora os educadores poderão desenvolver atividades que antes não eram possíveis por conta da falta de espaço adequado.

“Nossa nova escola vai fazer também com que nossos alunos tenham mais ânimo e força de vontade para vir para as aulas. Sem contar que agora vamos poder fazer várias atividades fora da sala que antes não podíamos. Agora temos um pátio coberto e toda essa estrutura adequada”, disse o gestor.

A obra de construção recebeu investimentos na ordem de R$ 313.815,02, e além do novo prédio foi entregue para a comunidade um poço artesiano que atenderá às 60 famílias que vivem no povoado.

Além da presença do secretário de Estado da Educação, Felipe Camarão, a solenidade de entrega da Escola Digna contou com a presença do prefeito de Paulino Neves, e dos secretários estaduais Clayton Noleto (Infraestrutura) e Diego Galdino (Cultura e Turismo); da deputada estadual Ana do Gás, além da comunidade e autoridades locais.

Leia Mais

RADIO

Rádio Timbira Ao Vivo

Buscar

Nossa pagina