6 de setembro de 2011

Redação: (98) 98205-4499

06/09/2011 -

Jorge Vieira -

Comente

Mudança na sucessão em Balsas

O líder da bancada do governo, Stênio Resende, desistiu de disputar a prefeitura de Balsas em favor do ex-prefeito Francisco Martins, atendendo apelo do seu grupo político que deseja sua  permaneça na Assembleia Legislativa para que continue defendendo os interesses do município e da região Sul do Maranhão.
Stênio compareceu hoje ao plenário da Assembleia acompanhado de Chico Martins e anunciou aos jornalistas que cobrem o Poder a decisão de se afastar da disputa para apoiar a candidatura do sogro.
“Nosso grupo decidiu ser importante para Balsas ter um representante no Poder Legislativo, eu entendi e entreguei a missão de disputar a prefeitura a Chico Martins, um nome que reúne todas as qualidades de um bom candidato e tem transito livre no governo”, justificou Stênio.
Pleno funcionamento
O presidente da Federação dos Municípios do Estado do Maranhão, Júnior Marreca, externou ao blog sua preocupação com o funcionamento das unidades de saúde que estão sendo inauguradas pelo governo.
Segundo o presidente da Famem, mais importante que inaugurar é manter as unidades em funcionamento. Ele adiantou, no entanto, que há um compromisso do governo com as prefeituras para que os hospitais atendam as demandas.
Fufuca matém PSDB no muro  

O deputado André Fufuca, segundo fontes do PSDB, tem sido o motivo da indecisão do partido em relação ao governo do Estado.

Os tucanos não desejam pedir para o parlamentar procurar uma sigla que dê sustentação ao governo, mas esperam que ele tome a iniciativa.
Como Fufuca não dar o menor sinal de que deseje trocar de legenda, os tucanos, segundo as mesmas fontes, vão permanecer em cima do muro. 

Fufuca também tem sido alvo de muita reclamação na juventude do PSDB. A grande maioria dos militantes não engole o fato dele ter caído de páraquedas na direção da entidade, sem nem ter tido militânciam partidária. 

Vai jorrar asfalto 
O prefeito João Castelo deve assinar nas próximas horas dois contratos que vão deixar a cidade livre dos estragos provocados pela ação rigorosa do último inverno.
O primeiro contrato, no valor de R$ 90 milhões, será destinado á colocação de asfalto em ruas onde não existe saneamento. Já o segundo, de R$ 50 milhões,  servirá para fazer recapeamento asfáltico onde já existe.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

RADIO

Rádio Timbira Ao Vivo

Buscar

Nossa pagina