Medo de ser riscado do mapa político faz grupo Sarney delirar e apelar para mentira – Jorge Vieira

11 de agosto de 2018

Redação: (98) 98205-4499

11/08/2018 -

Jorge Vieira -

0

Medo de ser riscado do mapa político faz grupo Sarney delirar e apelar para mentira

Sarney, o avô da fake news lendo suas maldades

O grupo Sarney e seus asseclas na blogosfera perderam a linha e estão partindo agora para tentar fazer a população engolir a mentira de que o governador Flávio Dino, seu vice Carlos Brandão e o candidato a deputado federal Marcio Jerry estariam inelegíveis. Pura mentira.

O fake news é tão absurdo que só serve para revelar o desespero de um grupo que mandou no Maranhão por quase cinquenta anos e que hoje, desprezado pelo povo, sem ter nada a oferecer, quer criar ambiente para uma guerra judicial, o chamado terceiro turno nos tribunais.

A polêmica sentença arranjada com a juíza de Coroatá está sendo vista como o pontapé inicial da batalha, mas esta que deve ser derrotada logo que o Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão julgar o recurso do governador Flávio Dino, por conta da fragilidade dos argumentos.

O grupo Sarney, o Sistema de Comunicação Mirante e seus satélites na blogosfera sabem perfeitamente que Flávio Dino não está inelegível, mas insistem no factoide na vã esperança de ludibriar a população e deixa-la em dúvida ao longo da campanha que inicia pra valer a partir de 16 de agosto.

Apesar da baixaria da oposição sarneysista que sofre com a abstinência do poder e quer voltar a qualquer custo para continuar sangrando as finanças do Maranhão, o governador Flávio Dino está muito tranquilo e seguro da sua elegibilidade, apenas observa o desespero agonizante da oligarquia.

1 comment on “Medo de ser riscado do mapa político faz grupo Sarney delirar e apelar para mentira”

  1. Tibiriçá Vieira de Sousa Filho disse:

    Esta família não quer largar o osso, nós temos que dar a resposta é nas eleições eliminando de vez este grupo de câncer do Maranhão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Buscar

Nossa pagina