11 de novembro de 2011

Redação: (98) 98205-4499

11/11/2011 -

Jorge Vieira -

Comente

Líder da oposição chama governo Roseana de desonesto

O líder da oposição, deputado Marcelo Tavares (PSB), em conversa com o blog esta manhã, externou sua preocupação com o processo de credenciamento de empresas que a Comissão Permanente de Licitação faz para a contratação de unidade para prestação de serviço de saúde na área médica hospitalar, atendimento de média e alta complexidade, consultas, etc.
Segundo Tavares, antes mesmo da CPL concluir o processo de licitação para a contratação dos serviços, o governo colocou no ar vasta propaganda como se a empresa já estivesse sido contratada. “Todo mundo já sabe quem vai ganhar. Essa é uma licitação de carta marcada”, acusou   
“Tudo aqui é fajuto, forjado, carta marcada, todo mundo sabe que quem vai ganhar é o hospital que era da Multiclínica na Cidade Operária, a propaganda do governo já está na televisão, eles querem licitar. Esse governo é desonesto, é medíocre. As pessoas que estão no comando não tem competência. Estavam credenciando até o dia 28 de outubro e a propagando já está na televisão, há vários dias, denunciou.  
Conforme Tavares, o Hospital Carlos Macieira estava funcionando e atendendo o servidor e que o governo, em vez de abrir hospital, fecha. “Fechou o PAM Diamante, fechou o Carlos Macieira, fechou o PAN da Cidade Operaria, é o Governo que fecha hospital. E aqui vem forjar uma licitação, tem a propaganda na televisão anunciando o vencedor e a licitação está aqui, rapaz! é um Governo muito incompetente, para não dizer desonesto”, denuncia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rádio Timbira Ao Vivo

Buscar

Nossa pagina