4 de janeiro de 2013

Redação: (98) 98205-4499

04/01/2013 -

Jorge Vieira -

(1)

João Castelo poderá responder criminalmente pelo estrago feito nas finanças do município

Castelo poderá responder criminalmente pelos estragos
Em entrevista coletiva concedida
nesta manhã de sexta-feira (04), o Controlador Geral do Município, Délcio Rodrigues,
anunciou que encaminhará à Procuradoria Geral o relatório da auditoria que está
sendo realizada nas finanças da Prefeitura de São Luís.   
O resultado da investigação será
apresentado à população dentro de quinze dias e, caso fique comprovado que o
ex-prefeito optou por pagar empreiteiros amigos ao invés de resolver o problema
salarial dos servidores, a Controladoria tomará todas as providências para que
o município seja ressarcido do prejuízo.
“Estamos fazendo uma rigorosa
auditoria para descobrir o que foi que aconteceu com as finanças da prefeitura.
Todos os contratos suspeitos estão sendo revisados e se for encontrado alguma
anormalidade, vamos denunciar ao Ministério Público”, adiantou Délcio.
Secretária ver com tristeza estrago de Castelo nas finanças

Antes da intervenção do
Controlador do Município, a secretária da Fazenda Sueli Bedê, fez uma exposição
sobre a situação financeira da cidade. Ela disse que ver com muita tristeza o
quadro encontrado e condenou a atitude do ex-prefeito em deixar em caixa apenas
R$ 18 mi e uma folha de dezembro para pagar no valor de R$ 55 milhões.

A secretária, apesar da terra
arrasada promovida pelo irresponsável ex-prefeito, mostrou otimismo em mudar o
quadro de caos herdado do antecessor. Suely Bedê ressaltou ainda que o
levantamento preliminar indica que a dívida do município com restos a pagar e
INSS é da ordem de R$ 720 milhões.”Este valor pode ser ainda maior”, advertiu.
Apesar do estrago feito pelo
ex-prefeito, a secretária da Fazenda acredita que terá condições de recuperar
as finanças do município. Ela adiantou, no entanto, que está descartada
qualquer iniciativa que vise aumento de tributos e voltou a garantir que o
salário de dezembro será pagos em três parcelas, conforme acordo firmado com os
sindicatos das categorias, no final da tarde de quinta-feira (03).
A boa notícia dada pela
secretária foi o anúncio do pagamento dos salários dos professores referente a
dezembro, iniciado hoje e o fórum do IPTU que está sendo organizado para discutir
o assunto.
A secretária adiantou que será
feita a revisão no Orçamento do Município em função de algumas secretarias
estarem com seus orçamentos defasados em função do aumento do salário mínimo.

2 comments on “João Castelo poderá responder criminalmente pelo estrago feito nas finanças do município”

  1. Anônimo disse:

    Você escreve muito mal… Revise o texto antes de publicar.

    Castelo tem que pagar!

  2. Anônimo disse:

    QUERO SÓ VER SE TUDO ISSO NÃO VAI TERMINAR EM PIZZA. ESTÁ MAIS DO EVIDENTE O CAOS QUE O EX -PREFEITO DEIXOU EM SÃO LUÍS.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Buscar

Nossa pagina