24 de novembro de 2011

Redação: (98) 98205-4499

24/11/2011 -

Jorge Vieira -

Comente

Estado amanhece com Sistema de Segurança paralisado



Militares  acamparam na área externa da Assembleia Legislativa e prometem resistir até serem atendidos pelo governo 



O Maranhão amanheceu hoje sem Polícia Militar, sem Corpo de Bombeiros e sem delegados, por conta da intransigência da governadora Roseana Sarney (PMDB) em não negociar com o comando de greve da PM, que paralisou as atividades por tempo indeterminado.
A greve dos policiais militares coincide com a paralisação dos Delegados de Polícia, que já estão em estado de greve a dois dias, o que compromete ainda mais o Sistema de Segurança Pública do Estado.
O movimento grevista ganhou esta manhã destaque em todos os telejornais, inclusive no Bom Dia Brasil, da TV Globo, com direito a comentário do especialista em Segurança, Rodrigo Pimentel.
O comentarista atribuiu a intransigência nas negociações ao radicalismo de algumas lideranças por falta de um sindicato que encaminhe as negociações. Ele explicou que os policiais militares são proibidos de formar sindicato.
Os militares amanheceram acampados na área externa do Palácio Manoel Bequimão e esperam que os parlamentares ajudem encontrar uma solução para o impasse.
O líder do governo, deputado Manoel Ribeiro (PTB), que havia se comprometido em resolver a questão junto ao Palácio dos Leões, se refugiou em Portugal para não ter que pagar o mico de comandar a greve, conforme havia se comprometido.  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rádio Timbira Ao Vivo

Buscar

Nossa pagina