Dilma barra diretor do Denit en reunião do PAC – Jorge Vieira

22 de julho de 2011

Redação: (98) 98205-4499

22/07/2011 -

Jorge Vieira -

Comente

Dilma barra diretor do Denit en reunião do PAC

DE BRASÍLIA

A presidente Dilma Rousseff vetou ontem a participação do diretor de Infraestrutura Rodoviária do Dnit, Hideraldo Luiz Caron, em uma reunião sobre obras do PAC (Programa de Aceleração do Crescimento) em rodovias.
 
O Palácio do Planalto espera consumar a demissão dele até amanhã.
 
Caron é o único petista no comando do Dnit, órgão que é um dos alvos de acusações de superfaturamento de obras e pagamento de propina que envolve o setor de Transportes há 19 dias.
 
A reunião sobre o PAC ocorreu no Planalto. A presidente Dilma recebeu os ministros Miriam Belchior (Planejamento) e Paulo Sérgio Passos (Transportes), além do secretário-executivo interino dos Transportes, Miguel Masella, e de uma técnica do ministério.
 
O Planalto não confirmou oficialmente o convite para Caron participar do encontro. Assessores da presidente, no entanto, disseram que Dilma alertou o ministério, por meio de emissários, que ele não deveria participar da reunião.

DEMISSÕES
 
Caron está desde 2004 no Dnit e é o responsável por aprovações ou vetos a aumentos no valor de contratos em andamento. O governo já decidiu que não irá mantê-lo no cargo, principalmente depois de pressões do PR.
 
Além da de Caron, ainda é esperada a demissão do diretor-geral da autarquia, Luiz Pagot, que está em férias.
 
O governo trabalha para que os dois peçam demissão. Segundo integrantes do governo, Caron e Pagot concordaram em apresentar cartas de demissão na data de preferência de Dilma. Eles negam participação em qualquer irregularidade.
 
Ao todo, já foram afastados 15 servidores do Ministério dos Transportes, do Dnit e da Valec (empresa estatal de ferrovias).
 
Ontem, reportagem da Folha mostrou que Caron fez do Rio Grande do Sul, seu Estado de origem, foco prioritário de sua atuação ao longo dos sete anos em que atuou como diretor do Dnit.
 
Desde 2005 ele fez 119 viagens oficiais pelo país para vistorias de obras e reuniões com superintendentes regionais. Dessas, 82 (69%) tiveram como destino o RS.
(MÁRCIO FALCÃO, ANA FLOR E CATIA SEABRA)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Buscar

Nossa pagina