6 de dezembro de 2018

Redação: (98) 98205-4499

06/12/2018 -

Jorge Vieira -

Comente

Braide e o discurso distante da prática na votação o projeto anticrise do governo

Eduardo Braide acabou deixando até seus colegas de oposição confusos

Continua repercutindo nos bastidores a refugada que o deputado Eduardo Braide (PMN) deu após se levantar contra o projeto anticrise do Governo Flávio e se abster de votar. O parlamentar, que prometia retirar tudo que não prestava da proposta governamental e somente deixar o que ele consideraria que existisse de bom, pelo visto, não se mostrava convicto e suas intervenções críticas não passaram de uma forma de se manter em evidência na mídia, principalmente nos veículos ligados ao Sarney.

O parlamentar, que acabou ser eleito deputado federal, tentou faturar politicamente ao usar todos os meios para criticar o projeto que, segundo o também deputado federal eleito Márcio Jerry (PCdoB), vai permitir que o Estado continua funcionando normalmente, mas não teve coragem de votar contra, deixando a dúvida sobre o que realmente ele pensa sobre a matéria aprovada na sessão de quarta-feira (5), após intensa discussão.

Se Braide pensa em voos mais altos, antes mesmo de assumir o mandato na Câmara Federal, já deu uma derrapada feia, pois liderança se constrói mostrando posições firmes sobre aquilo que defende e não em cima de discurso oportunista, fora da realidade, próprios da politicagem que permeou o Maranhão ao longo de quase cinco décadas de mando da ex-oligarquia Sarney.

Nascido e nutrido no sarneysismo, o deputado do PMN se juntou a Adriano Sarney (PV) nos ataques ao projeto, mas ao contrário do sobrinho de Roseana Sarney (MDB), que votou contra porque defende o quanto pior melhor, Braide se absteve de votar. Deve ter pensado melhor e visto o que tem de bom no projeto que beneficia microempresas e pequenas empresas. Vai vê deu crise de consciência.

O deputado, por querer se intrometer em tudo e repercutir na imprensa, numa espécie de estratégia para se manter em evidência, acabou levando uma repreenda ao vivo do deputado eleito Marcelo Tavares (PSB) durante um programa de rádio no final da tarde de quarta-feira. Tavares lamentou que Braide não tenha lido e muito compreendido o projeto, por isso se absteve.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

RADIO

Rádio Timbira Ao Vivo

Buscar

Nossa pagina