26 de setembro de 2011

Redação: (98) 98205-4499

26/09/2011 -

Jorge Vieira -

Comente

Boi Barrica: Ministro da Justiça diz que PF “não se intimida”

STJ anulou provas obtidas pela polícia contra Fernando Sarney
Folha de São Paulo

O ministro da Justiça, José Eduardo Cardoso, defendeu a atuação da Polícia Federal e disse que ela chegou a tal ponto de “enraizamento institucional” que “ninguém a intimidará”.
 

Na semana passada, o STJ (Superior Tribunal de Justiça) anulou as provas da Operação Boi Barrica, que tinha familiares do presidente do Senado, José Sarney, entre os alvos. Foi a terceira anulação de provas da PF promovida pela corte este ano.
 
Em entrevista à TV Folha, o ministro disse que a instituição não pode ser alvo de pressão política. “Temos que aprender a viver no Estado de Direito e ele diz que a polícia atua independentemente de quem é o réu”, afirmou.
 
O ministro falou ainda sobre a Comissão da Verdade, que investigará violações aos direitos humanos. O colegiado foi aprovado pela Câmara e será avaliado no Senado.
Cardoso descartou “revanchismo” e finalizou: “Só se constrói um país democrático quando toda sua história vem à luz do sol”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

RADIO

Rádio Timbira Ao Vivo

Buscar

Nossa pagina