6,7% da população do Maranhão não possui renda, diz IBGE – Jorge Vieira

10 de setembro de 2011

Redação: (98) 98205-4499

10/09/2011 -

Jorge Vieira -

Comente

6,7% da população do Maranhão não possui renda, diz IBGE

Os números do Censo do IBGE – Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística- relativo a 2010, divulgados no final de agosto passado, revelam números surpreendentes sobre o nível de miséria em que vive boa parte da população do Maranhão.
Segundo o IBGE, no Maranhão, Estado considerado mais pobre do país, 6,7% da população – um contingente de 438 mil pessoas – vive em condições de indigência plena.
Em maio do ano passado, quando anunciou a existência de 16,2 milhões de brasileiros em situação de extrema pobreza no País, o governo federal dividiu os miseráveis entre sem renda e os 11,4 milhões que tinham rendimento familiar per capita de R$ 1 a R$ 70 mensais. No mês seguinte, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) detalhou informações sobre os que tinham renda. O mapeamento dos sem-rendimento foi concluído em agosto.
No município Em Marajá do Sena, o mais pobre do Estado, por exemplo, três em cada dez moradores vivem em famílias sem renda própria. A cidade de 8 mil moradores tem a segunda pior renda média familiar per capita do País, de apenas R$ 153,47 mensais.
O IBGE reuniu no universo dos miseráveis sem renda aqueles que recebem apenas benefícios como o Bolsa Família e os que não têm nenhum tipo de assistência monetária do poder público, mas não fez uma contabilidade de cada grupo separadamente. (Com informações do Estadão)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Buscar

Nossa pagina