26 de outubro de 2017

Redação: (98) 98205-4499

26/10/2017 -

Jorge Vieira -

0

“Oposição ao Pró Fisco é fazer apologia a sonegação”, diz Cafeteira

Após acalorada discussão em plenário, a Assembleia Legislativa aprovou o projeto de lei 262/2017, de autoria do Poder Executivo, que autoriza o Governo do Estado a aderir ao Programa Pró Fisco 2, que trata de uma linha de crédito do BID (Banco Interamericano de Desenvolvimento) para modernizar a gestão fiscal e deixar o sistema mais eficiente para facilitar a vida dos empresários, além de aumentar o controle de gastos.

O Pró Fisco, segundo já explicou no secretária da Fazenda, Marcellus Ribeiro, já foi usado em quase todos os Estados brasileiros, inclusive em duas ocasiões anteriores a essa no Maranhão, e vai se somar ao processo de modernização da Secretaria da Fazenda.

Diante da reclamação da oposição de que, na prática, vai servir para aumentar o sistema de cobrança de impostos no Maranhão, o líder do governo recorreu à sua página no Twitter para fazer indagações, principalmente ao deputado Eduardo Braide, o mais crítico.  Segundo Cafeteira, se colocar contra o programa é fazer apologia a sonegação. 

1 comment on ““Oposição ao Pró Fisco é fazer apologia a sonegação”, diz Cafeteira”

  1. Carlos disse:

    Os incentivos fiscais e a desoneração de tributos é importante medida de atração de investimentos.
    Comunistas não passaram.
    O regime é o capitalismo. Eficiência e gestão de resultado. Oh meu Maranhão pré histórico! Maranhão na contramão.
    Foi uma seção espírita que ressuscitou o regime ateu comunista no nosso estado?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

RADIO

Rádio Timbira Ao Vivo

Buscar

Nossa pagina